Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



A idade

por jonasnuts, em 07.12.08

Sempre adorei a idade que tive. É estranho, mas é verdade.

A primeira vez que pensei no assunto foi enquanto apagava as velas do meu 10º aniversário. Lembro-me exactamente onde estava, o que é que tinha vestido, que penteado tinha, e o meu pensamento enquanto apagava as 10 velas do bolo foram "ena, 10 anos, já posso dizer há dez anos eu fiz isto ou fiz aquilo". Não pensei em desejos. Com 10 anos, não pedi bonecas, nem póneis, nem coroas, limitei-me a expressar interiormente a minha satisfação por já poder dizer, como os crescidos, há 10 anos.

 

Nunca desejei ter nem mais nem menos anos. Todas as idades foram fantásticas, com os seus prós e contras. Sempre me fez confusão os problemas que as mulheres têm com a idade. A minha mãe andou vários anos a fazer 39 (o que me baralhou as contas até hoje, que preciso sempre de fazer as contas ao ano em que nasceu), e apesar de ser uma mulher muitíssimo interessante, a coisa da idade pesava-lhe. Outros tempos.

 

Quando se faz 30 dizem-nos ah, agora é que é a sério. Aos 31 chegam os comentários originais "que grande 31", aos 33 ouvimos o óbvio comentário acerca da idade de Cristo, aos 35 dizem que agora é que atravessámos a meia-idade, quando chegamos aos 39 dizem-nos para curtir este último ano das nossas vidas.

 

Bom, não sei se sou muito diferente do resto das pessoas, e sou uma mulher do meu tempo, tempo em que as mulheres de 40 anos não têm bigode, não se vestem de preto, não se escondem por baixo de umas roupas que as fazem parecer uns sacos de batatas. Parece que antigamente as mulheres chegavam aos 40 e pronto. Já estava. Quando é que chegam os netos?

 

Hoje é diferente, pelo menos comigo. Com os tais 40 (e os 39 e os 38 e etc.) não tenho uma personalidade muito diferente do que tinha há 20 ou 25 anos. As características base continuam cá, algumas mesmo mais apuradas. Continuo teimosa, impetuosa, frontal, lamechas, preguiçosa, desorganizada, refilona, trabalhadora (quando faço algo de que gosto), trapalhona (quando faço algo de que não gosto), desarrumada, curiosa. Mas já pego no garfo mais acima, e não precisei de me casar (private joke). Sou mais segura, de mim e dos outros. E sei fazer melhor as coisas. Portanto, sou mais bem desarrumada agora do que era antes.

 

Portanto, meninas e meninos de 20 anos (ou menos), quando olharem para as pessoas mais velhas, não imaginem uns cotas. Imaginem alguém que é mais maluco que vocês, conhece mais maluqueiras do que as que vocês vão conhecer proximamente, tem €€€ para pôr em prática uma série de coisas que ainda estão na vossa wishlist e provavelmente já concretizou um porradão daquelas coisas que estão ainda no reino das vossas fantasias, alguém que tem mais e melhor sexo, alguém que pode ouvir música alto, e tocá-la mais alto ainda , alguém que chega a casa às horas que quer e que não tem horas para comer e, por último, ainda tem pedal para vos dar uma ratada em qualquer joguinho de consola.

 

Só deixo um pedido, não me lixem, não me tratem por senhora. A senhora é a minha mãe, ou a outra que está no altar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:



11 comentários

Imagem de perfil

De * * Grilinha * * a 07.12.2008 às 18:34

Ando eu a dizer estas coisas há uns anitos mas a malta de 20 continua a fazer orelhas moucas e a torcer o nariz.

Deixa-os lá chegar (poisar) que vamos ouvi-los a dizer e a escrever o que aqui tens neste post.

Ahhh, já a minha mãe me dizia o mesmo e aos 20 eu achava que era a Super-mulher

PS: A minha mãe com 60 anos arrumava muita cachopa de 20 em energia e classe. Passeatas, praia e bailaricos não falhava um e toda a semana a trabalhar.

Tungas
Sem imagem de perfil

De Sem Nome a 07.12.2008 às 18:53

Sabe bem ler isto =) obviamente que idade não tem nada que ver com mentalidade por certo, conheço pessoas da minha idade e mais novas (eu tenho 23) que parecem verdadeiros velhos. Das coisas que me dá mais gozo é estar com pessoas de 'entas' e esquecer-me desse facto ... afinal nem todos somos a idade que temos...
Parabéns atrasados, por norma não comento (só leio) mas deste post gostei particularmente. =)
Sem imagem de perfil

De Miki a 08.12.2008 às 11:13

E que rica prenda (ainda que um pouco atrasada) o Benfica deu, certo?

Parabéns, também eles atrasados :p
Imagem de perfil

De AnaD a 08.12.2008 às 15:45

Gostei muito de ter 20 anos ... foi uma época fantástica por várias razões.

Estou a adorar os 30 ... sei muito mais, vivi muito mais ... estou melhor!

E espero pelos 40 com expectativa :)
Sem imagem de perfil

De themage a 08.12.2008 às 18:46

Parabéns é, portanto, apropriado. Muitos Parabéns.

E desejo, para mim, chegar aos 40 (daqui a 9 anos e 3 meses, precisamente), e dizer, como tu dizes hoje, que continuo a gostar da vida como ela é.

Para ti, que repitas este ano com saúde, bem estar, e que continues a ser tu própria. A Jonas que todos nós aprendemos a gostar e admirar depois do choque inicial.

Um abraço,

mpn
Sem imagem de perfil

De Leonel Vicente a 09.12.2008 às 00:11

Parabéns!... atrasados.
Sem imagem de perfil

De Belmira a 09.12.2008 às 10:34

Entro aqui pela primeira vez e assisto a um dos mais interessantes "discursos" acerca de como ter anos, de os sentir, de os saber nossos e nós deles, os anos...

Também sempre me fez toda a confusão saber mulheres, principalmente mulheres, aflitas por mais um ano de vida. Algumas morrem antes disso. E então?!... Não é pior?!... Eu tenho para mim que sim.

Pois PARABÉNS se fez anos recentemente e por gostar que se façam, também para si, os anos, nos dias que adivinho vividos com muita intensidade para se arrumar e ir em frente dando umas "ratadas" (adorei esta expressão, aliás, este expressar-se assim, descontraído) à malta nova. Eu cá de consolas não percebo nada mas ri das coisas postas assim desta maneira.

APETEÇO-LHE DIAS FELIZES!

Belmira
Sem imagem de perfil

De KI a 09.12.2008 às 10:57

Pq será que tenhoa ideia que a tua mãe não gostou desse final de texto? Excelente texto, gostei imenso de ler e que bom para o ano tenho a idade de Cristo e ainda me faltam um porradão para os 40's, nem pensar em jogar consola contigo e a minha wishlist ainda conta muitos euros para que eu a consiga realizar. Ficamos assim, quanto ao sexo uau se ainda fica melhor, yes yes yes... bute lá envelhecer :)

Abraço.
Sem imagem de perfil

De 100 Sentidos a 09.12.2008 às 23:29

Eu com os meus 20 e poucos anitos, adorei o que a Senhora (perdão), menina escreveu!
Sem imagem de perfil

De curiosa a 10.12.2008 às 00:29

'Ganda' post! Sem papas na língua como é habitual nas sagitarianas!!!

Parabéns atrasados ;)

Comentar post


Pág. 1/2






Arquivo