Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Os juízes copiões

por jonasnuts, em 15.06.11

Anda por aí tudo muito inflamado com os juízes (ou futuros juízes) que copiaram num teste, ah, e na justiça não se devia copiar, e devem ser todos muito honestos e impolutos e o diabo a sete.

 

A mim, pessoalmente, não me faz confusão nenhuma que copiem (toda a gente aldraba ou aldrabou, duma maneira ou doutra, e que atire a primeira pedra aquele que NUNCA aldrabou exames de nenhuma forma).

 

A mim, o que me faz verdadeira confusão e, fosse eu mandar corria tudo a chumbo, é que com idade para terem juízo, não saibam fazer de forma competente, o que qualquer aluno do secundário faz com toda a limpeza (e estou a dizer do secundário, só para ser simpática).

 

Uma coisa tão elementar, porra.

 

Caraças...... não saber copiar devia dar direito a terem de repetir o curso de direito, a partir do zero.

Autoria e outros dados (tags, etc)



17 comentários

Sem imagem de perfil

De Ska a 15.06.2011 às 20:07

É que é preciso ser-se muito burro. Ninguém achou que iria ser suspeito 4 ou 5 imbecis que até calhou de estarem sentados lado a lado terem exactamente as mesmas respostas?

Fooooda-se. Que atestado de imbecilidade.
Imagem de perfil

De jonasnuts a 15.06.2011 às 20:10

Precisamente.... essa é a minha preocupação :)
Sem imagem de perfil

De rita maria a 15.06.2011 às 20:13

Estava justamente a escrever sobre isso, mas não me tinha ocorrido esse aspecto. Tenho de ir linkar-te.
Sem imagem de perfil

De João Pedro Lopes a 15.06.2011 às 22:09

Viva
Custa-me um bocadito ser desmancha prazeres, mas não estava à espera que neste blog se achasse a vigarice uma coisa normal, principalmente depois de se ter sido vítima de uma (o caso do telemóvel). E sim, no copianço, além da triste assumpção da incapacidade de aprender, há prejuízo para os nossos parceiros de exame que sejam honestos.
E pronto, era só isto...

Imagem de perfil

De jonasnuts a 15.06.2011 às 22:19

Não desmancha prazer nenhum :)

Eu não acho a vigarice uma coisa normal, nem digo isso em sítio nenhum, copiar num exame é algo que já toda a gente fez, pelo que acho completamente imoral, atirarmos a primeira pedra, quando nós próprios já fizemos exactamente o mesmo.

Não conheço ninguém que nunca tenha dado um jeito, olhado para o lado, contornado as dificuldades, usado uma cunha. O facto de me ter visto envolvida naquela coisa do telemóvel não faz de mim santa, nem eu nunca o afirmei.

Se sou apologista do copianço? Não. Se o usei, nos meus tempos de estudante? Às vezes, embora pouco, mais por medo de ser apanhada do que por outra coisa. Se ensino ao meu filho que deve copiar? Nem pensar (mas estou à espera que o faça, num ou noutro momento, que eu não sou burra).

Em última análise, copiar é mentir a nós próprios, porque se pode passar o exame, mas o que era suposto saber-se, não se sabe, e irá fazer-nos falta mais tarde. Portanto.... o prejuízo nem sequer é para o colega do lado (em que é que o meu colega é prejudicado por eu ter melhor ou pior nota?), o prejuízo será para mim.

Mantenho.... para mim, mau é terem sido apanhados numa coisa tão simples de fazer. Sinal de que são burros. E isso, quanto a mim, é mais grave do que ser-se ignorante. A ignorância combate-se com estudo. Quanto à burrice, nada há a fazer.
Sem imagem de perfil

De Nuno a 16.06.2011 às 10:00

Obviamente que quando copiamos, corremos o risco de ser apanhados e, por conseguinte, sofrer as devidas sanções. Mas o que aconteceu aqui foi exactamente o contrário: foram apanhados a copiar e, em vez de voltarem a fazer o teste ou de sofrer uma sanção qualquer, PASSARAM todos com média de 10. Enfim, cedo, logo aprendem que o "crime compensa"... É triste.

Sem imagem de perfil

De Bruno a 16.06.2011 às 12:12

Eu também acho que o problema não é eles copiarem ou não, mas sim o facto de passarem todos com nota 10. A impunidade já chega a estes níveis. É isto que eu quero ter à minha frente se um dia tiver que recorrer à justiça? É lógico que não. Agora gostava de ver se os obrigam a fazer o teste ou isto morre por aqui.

Sem imagem de perfil

De kincas a 16.06.2011 às 15:53

Quando (e se) for julgado lá irei ter de perguntar ao meritíssimo quando tirou o curso. Caso seja dos "tais" terei de lhe dizer que não tem qualquer legitimidade para me julgar (ou a quem quer que seja). Que vá aprender a copiar primeiro. :p
Sem imagem de perfil

De AB a 17.06.2011 às 00:20

Eu sou mesmo um anormal. Deixei de copiar para aí na segunda vez que o fiz. Foi na disciplina de História, que ao tempo considerava um trambolho de datas que não me dizia nada. Copiei pelo meu colega do lado e tive uma excelente nota. É claro que os profes deram pelo copianço, mas como as minhas notas nas restantes disciplinas eram muito boas e as dele não - só a História, coitado - assumiram que ele é que tinha copiado por mim. O meu colega que era um tipo impecável teve uma nota de merda na única disciplina onde era bom, e eu ainda hoje lamento a estupidez de não ter desfeito o engano e assumido as consequências.
Copiar tem essa coisa; o tipo que sabe fica no rol dos suspeitos. Só por isso, Jonas, não concordo contigo.
Imagem de perfil

De João Severino a 17.06.2011 às 15:39

Não conhecia este blogue. Gosto.
Imagem de perfil

De jonasnuts a 17.06.2011 às 15:48

ehehehe mas eu conhecço o seu :)
Imagem de perfil

De João Severino a 17.06.2011 às 15:57

Já está na minha barra lateral. Bj
Sem imagem de perfil

De Ze a 17.06.2011 às 19:00

Não partilho o elogio da mediocridade e copiar é vigarizar os que trabalharam para saber, é uma chico espertice que tem de ser repudiada.
Mas há algo de mais importante neste caso, é o facto dos responsáveis académicos terem procurado abafar tudo com uma nota 10. Eles que são os profissionais em questão não tiveram um mínimo de brio e apressaram-se a sacudir as culpas para os cupiões. Pior ainda vieram várias entidades repudiar este acontecimento, mas algumas dessas entidades têm representantes da direcção ou na equipa pedagógica do CEJ. É uma palhaçada pegada.
Sem imagem de perfil

De Ricardo a 17.06.2011 às 19:12

Faz-me uma confusão ver que "ah e tal damos 10, não temos tempo para novas coisas" e depois afinal já existe tempo. Para mim era chumbar tudo, e até para o próximo ano.

E mais me espanto quando os mesmos que dizem "está tudo bem é normal" são os mesmos que bradam aos céus se ocorre algo igual nas Universidades.

(Foi a segunda vez que um exame saiu antes do dia nesta instituição e nada foi feito :P )

Comentar post


Pág. 1/2






Arquivo