Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Em busca dos clássicos

por jonasnuts, em 22.07.08

Há imensos planos, para estas férias, as bicicletas, o descanso, a piscina, a calma e coiso e tal, mas faltava-me algo. Tenho saudades de ler. Sempre li muito, desde muito cedo. Ficava muito tempo sozinha em casa, e a biblioteca era diversa. Não havia computadores, nem consolas, nem televisão durante a tarde, os trabalhos de casa eram despachados em 3 tempos, sobrava muita hora para queimar. Ler era a opção, e marchava tudo. Li Émile Zola cedo demais, para mim uma taberna não tinha nada a ver com A Taberna. Policiais era ao quilo, enciclopédias, livros de miúdos e de graúdos.

 

Sempre adorei ler.

 

Com o computador, e a miudagem, a casa, o dia-a-dia, foi fugindo o tempo, e a leitura foi sacrificada, pelo menos a dos livros. Não tenho tempo, nas férias, de pôr a escrita em dia, mas quero atirar-me aos clássicos.

 

Guerra e Paz, Ulisses (o do James Joyce) e essas coisas assim "pesadonas".

 

Quais foram os clássicos da vossa vida? Alguma sugestão?

Autoria e outros dados (tags, etc)



27 comentários

Imagem de perfil

De Nuno Barreto a 22.07.2008 às 23:19

O Velho e o Mar, de Hemingway. E nem é pesadote...
Imagem de perfil

De pedrocs a 22.07.2008 às 23:29

O Guerra e Paz é bom... para matar melgas!

Prefiro Henry Miller.
Sem imagem de perfil

De Jorge Tavares a 22.07.2008 às 23:49

Viva!


Na categoria de clássicos recomendo o "The Executioner's Song" de Norman Mailer e "1984" de George Orwell. A "Peregrinação" de Fernão Mendes Pinto também gosto muito mas este pertence a outra categoria.

Mais recentes mas que são clássicos gosto, por exemplo, do "Ensaio Sobre a Cegueira" de Saramago e "Never Let Me Go" de Kazuo Ishiguro.

No entanto, o que recomendo mesmo é "American Gods" de Neil Gaiman. Um dos melhores livros que li nos últimos tempos! Embora seja um livro recente, seguramente vai ser um clássico.


Saudações,

Imagem de perfil

De pedrocs a 23.07.2008 às 08:48

Estou com o Jorge Tavares: American Gods é um grande livro!
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 23.07.2008 às 00:12

há sempre o Proust... À la recherche du temps perdu (imbatível!)
Imagem de perfil

De * * Grilinha * * a 23.07.2008 às 02:10

Xiiii já estou a ver que és mais uma das que leva um saco de livros para férias.

Cá em casa era sempre um martírio pois (pai e filha) levavam um saco deles para ler e trocar e ainda davam uma volta pela feira do livro em Vilamoura o que significava voltar mais carregada.

Não tenho sugestões de leitura para dar pois eu levava sempre as agulhas e o ponto cruz.

Vim só mesmo brincar com o tema pois hoje em dia nem ponto cruz levo porque me falta a paciência e outras coisas mais......

Que bom que é fazer planos para as férias "countdown"
Sem imagem de perfil

De João Antunes a 23.07.2008 às 02:25

Atlas Shrugged, da Ayn Rand
Imagem de perfil

De Pedro Chichorro a 23.07.2008 às 02:46

Não sei como e confesso que não me lembro bem da obra, apenas o 'ambiente' geral e que me prendeu loucamente tinha eu uns 11 anos: "Infância, Adolescência e Juventude" de Leão Tolstoi

"Uma novela que se lê com prazer tal a mestria com que Tolstoi, nesta obra semi-autobiográfica, nos consegue fazer reviver os pequenos grandes dramas que assolam o crescimento.
Narrado na primeira pessoa e em estilo quase de diário, Nikolai Irteniev num tom que oscila entre o irónico e o comovente descreve esse período de transformações que vai da infância à vida adulta. Através das suas reflexões e descrições do quotidiano, penetramos no seio da pequena nobreza russa: como se vivia e o que se pensava, o que era certo ou errado... É um belo documento da história privada de meados do século XIX. É com alguma surpresa que se descobre que algumas das dúvidas e exaltações que Nikolai vive são universais e muito contemporâneas, também. "

Sem imagem de perfil

De flor a 29.07.2008 às 13:18

com 11 anos a ler tolstoi?rararararraa
Imagem de perfil

De jonasnuts a 29.07.2008 às 14:01

É preciso conhecer o Pedro Chichorro para perceber que, no caso dele, até tem tudo para ser verdade :)
Imagem de perfil

De Pedro Chichorro a 29.07.2008 às 14:15

Sim, caiu-me nas mãos e aquela obra, apesar de calhamaço, lê-se lindamente. As outras não conheço.

Imagem de perfil

De André a 23.07.2008 às 09:35

Cryptonomicon - Neal Stephenson
Baroque cycle - Neal Stephenson

São pesados e para mim são clássicos. :)
Sem imagem de perfil

De Patricia a 23.07.2008 às 10:39

Para mim, sempre Jane Austen.

E do lado francófono, Alexandre Dumas. Lembro-me de férias em casa da minha avó acompanhadas pelos calhamaços dos Três Mosqueteiros e da Raínha Margot.
Sem imagem de perfil

De Siri a 23.07.2008 às 17:34

Estou com a Patrícia.
´
Clássicos, só Os 3 Mosqueteiros, pois então.
...verdade seja dita, que ao som dos 3 MosCãoteiros. (A)
Imagem de perfil

De entreparentes a 23.07.2008 às 10:41

... ainda cá tenho o John chauffer russo, da tua avó Isabel !
Se quiseres é só dizeres ! :)

Comentar post


Pág. 1/3






Arquivo