Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jonasnuts

A minha horta

Fui criança de apartamento, nunca tive a possibilidade de ter "terra" de pais, avós ou bisavós (era tudo de Lisboa), tinha uma inveja profunda das minhas amigas que passavam 3 meses de férias na terra, e que tinham sempre batatas, cebolas, azeite e azeitonas, alhos, chouriças, ovos, mel, queijos e fruta, muita fruta, tudo proveniente da terra.

Desde há uns anos para cá que tem crescido em mim o desejo de ter uma casa com terra, a minha cajinha. Já esteve bem mais longe do que está hoje.

E o desejo de terra passa, também, por ter uma horta. 

Morando num apartamento, a horta fica inviabilizada. Ou será que não?
Em alguns apartamentos sim, noutros apartamentos não.

Na minha casa, não existe essa limitação.

Há mais de um ano comecei a namorar a ideia de ter um jardim ou horta vertical. Fiz a minha pesquisa e aterrei nos MiniGarden. Comprei logo dois. E não comprei apenas as estruturas, comprei logo a terra e as esferas de argila e todo o material necessário.

Por motivos que não vêm agora ao caso e que felizmente se resolveram entretanto, não pude montá-los de imediato, pelo que só no mês passado me dediquei à coisa.

Numa das estruturas tenho 18 pés de morangos e na outra tenho uma fileira de alfaces (roxa, frisada e francesa), uma fileira de tomate cherry (6 pés) e uma fileira de tomate coração de boi (3 pés).

As alfaces e os tomates comprei bebés, no Mercado da Ribeira, os morangos vieram do Lidl.

horta1.jpg

horta2.jpg

(A imagem de cima chama-se horta1 por isso, naturalmente, a imagem de baixo chama-se horta2. Porque é que isto é interessante? Por nada. Mas a malta da minha geração sabe bem que o Horta2 não é uma horta de morangos).

Já cresceram muito, desde que chegaram e têm-se aguentado muito bem, tendo apenas sucumbido um tomateiro coração de boi, na tempestade de ontem. 

Isto está a servir de experiência, se correr bem, compro mais unidades e cultivo mais coisas. Não pelo dinheiro que se poupa, porque na realidade isto há-de dar para meia dúzia de saladas e para uma semana a comer morangos e não mais que isso, mas pelo gozo que dá e pela experiência, que será muito útil, quando eu tiver a tal horta a sério que já esteve mais longe :)

E, em cima disso tudo, sabe-me lindamente, estar na minha sala, olhar pela janela e, para além do mar a perder de vista, ver também as minhas alfaces e os meus tomates.

Isto é que é vista.

 

iPhone - Photo 2020-04-15 16_21_42.jpeg

 

 

Saberes antigos

Os meus feeds inundam-se de fotografias de pão. Provavelmente à mesma velocidade com que o fermento para pão e a farinha desapareceram das prateleiras dos supermercados.

Muita gente a descobrir o prazer de fazer pão, ou de ter uma casa a cheirar a pão acabado de fazer. E, há poucas coisas melhores do que uma bela fatia pão quente, feito por nós, carregado de manteiga da que engorda com sal.

Faço pão há muito tempo, comecei noutra vida, recomecei há uns meses, aqui na casa nova. Mas não vou mostrar uma foto do pão, porque como se acabou o fermento aqui de casa e eu não fui de açambarcar, fiquei sem. A massa-mãe ainda vai demorar uns dias até ficar pronta.

Opto por outros regressos, a outros saberes antigos.

Amanhã ao fim do dia vai haver uns quantos frascos de doce de abóbora com noz aqui em casa.
Receita da minha tia Helena, transcrita pela minha mãe, melhorada por consultoria direta com a autora da coisa, aqui há uns meses. 

iPhone - Photo 2020-03-26 15_36_17.jpeg

Os morangos são a sobremesa do jantar :)

 

 

 

 

Morangos com açúcar - Inês Jindrich - Shrek

O título do post parece não ter nada a ver com nada, certo?

Errado.

Já falei noutros posts que tenho dificuldades em ir ao cinema, porque......bom, porque mais gente vai ao cinema, e os outros que vão ao cinema não se comportam de forma cívica e educada.

Mas pronto, com os putos, é preciso. E mesmo assim os putos não se portam tão mal como isso. Ontem à noite fomos ver o Shrek 3. Versão portuguesa. Esperar-se-ia que, sendo a versão portuguesa, estivesse cheio de putos, e estava, mas não só.

Com a "sorte" que eu tenho, fiquei sentada ao lado de 2 meninas e um menino. Crescidos. Estranhei que estivessem na sessão da versão portuguesa e não na sessão da versão original, mas ok gostos não se discutem (lamentam-se).

Pois é, os meninos passaram o tempo todo a falar, a enviar mensagens de SMS e, depois do intervalo (do qual chegaram atrasados) tiveram o desplante de atender o telefone.

Mas esta gente não se enxerga? Ninguém lhes ensinou, como eu ensino aos putos que estão comigo, que não devem incomodar o resto das pessoas?

E o que é que isto tem a ver com os morangos com açúcar e com a Inês Jindrich? Fácil, a dita cuja era uma das meninas (eu estava acompanhada por alguém que é especialista em Morangos com Açúcar).

Deve julgar que tem privilégios especiais. Sendo uma "actriz", podia mostrar mais respeito quer pelo público, quer pelo trabalho de outros actores.

Foi ontem, na sessão das 21h10 do Shrek, no Oeiras Parque.

Pesquisar

No twitter


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D