Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Jonasnuts

Violência na Internet

Há uns anos, quando se falava de Internet e as pessoas perguntavam "inter-quê?", os factos mais frequentemente associados à Internet eram a pornografia e as fraudes com cartões de crédito. Perdi a conta às reportagens que vi nos órgãos de comunicação social tradicionais, assinados por pessoas com know how para saberem fazer melhor, que martelavam nestas duas teclas. Na altura, eu nem dizia às minhas avós o que é que fazia na vida. Para elas, eu trabalhava com computadores, e está a andar.

 

Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades.

 

Nos dias que correm, a moda é associar a Internet a casos de pedofilia e a casos de violência.

 

Isto tudo a propósito de um título de uma notícia no site da RTP. Violência na Internet é uma realidade preocupante (aqui), com um vídeo (que não vi), e com um pequeno texto que diz "É uma preocupação que chega com as novas tecnologias e plataformas de distribuição de vídeo. Há cada vez mais adolescentes portugueses a publicar na Internet imagens que retratam cenas violentas e de ameaças à integridade física".

 

Primeiro falam genericamente das novas tecnologias como se qualquer tecnologia relacionada com a Internet tivesse chegado apenas agora. Caramba, há plataformas de alojamento de vídeos há anos. E depois, fiquei sem perceber se o que os preocupa é a violência (e nesse caso porquê restringir a coisa à Internet), ou se estão preocupados com o facto das pessoas agora poderem publicar as tais imagens a retratar violência. Chateia-os que haja violência ou que essa violência seja denunciada e exposta?

6 comentários

Comentar post

Pesquisar

No twitter


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D