Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jonasnuts

Causa própria

Não é frequente eu falar aqui de Blogs. Isto é, falo muito de Blogs na generalidade, mas não especifico. Enfim, dado o que eu faço na vida, não só se espera (pelo menos eu) algum recato, como também sou demasiado suspeita. Tenho os meus favoritos (os que leria independentemente da minha profissão), tenho os que leio por obrigação, e tenho os que leio porque me interessam profissionalmente.

 

Portanto, contrariando tudo o que disse ali em cima, falo hoje de um Blog em particular. Por ser fabuloso. Não esperem grafismos xpto, widgets e gadgets, bicharocos que brilham e demais parafernália. Vale (muito) pelo conteúdo. É disto que eu gosto. Blogs que me fazem rir, de forma inteligente. Acompanho-o há imenso tempo, agora nos Blogs do SAPO, mas independentemente disso.

 

Recomendo vivamente O Incontinental.

Faltou dizer que não conheço pessoalmente os autores (que eu saiba).

Robert Downey Jr

 

"I don't read the script. The script reads me"

 

Sempre gostei deste caramelo. Sempre o achei um grande actor. Salvou vários filmes, provavelmente porque sou suspeita, e deixo que o filme se salve pelo simples facto dele lá estar metido.

 

Acho que tenho todos os filmes dele. Nos tempos em que a minha irmã morava nos Estados Unidos, eu encomendava na Amazon e mandava entregar em casa dela, que depois me enviava caixotes onde escrevia do lado de fora "contrabando de DVDs do Robert Downey Jr.". Chegaram todos.

 

Descubro agora (tarde, bem sei) que está nomeado para um óscar na categoria de melhor actor secundário. Espero que ganhe. Devia ter ganho quando estava nomeado para melhor actor, com Chaplin. Mas mesmo que não ganhe desta, é apenas uma questão de tempo.

Os multibancos dos tribunais

Eu não percebo nada de leis, nem dos meandros da política, nem de jornalismo ou comunicação social. Raramente vejo notícias na televisão (rádio e internet são as minhas principais fontes). Fica feito o aviso.

 

A notícia era simples. Alguém no Ministério da Justiça mandou tirar dos tribunais todas as caixas multibanco que não estavam encastradas. O cidadão não fica prejudicado na medida em que existem terminais multibanco aos balcões, caso seja necessário proceder a um pagamento.

 

TODAS as notícias e posts que li sobre o assunto, cascaram na medida. Aliás, uma "notícia" num dos canais de televisão terminava com a isenta sugestão de "mandar tirar as portas, para se poupar em fechaduras".

 

Ora eu, que não percebo nada destas coisas, ponho-me a pensar. E penso que, nas actuais circunstâncias de crise, em que vai haver um acréscimo da criminalidade, e em que devemos poupar o que pudermos, não discordo da medida. Porque é que raio haveriam de ser mantidas as caixas multibanco, com um agente da autoridade pago para a guardar (dia e noite, já agora)?

 

Num mundo ideal não seria preciso um polícia a guardar as caixas multibanco, nem seria preciso mandar retirá-las, mas ainda há alguém que ache que vivemos num mundo ideal?

 

Entre ter um polícia a guardar uma caixa multibanco dispensável, dentro do edifício de um tribunal, eu prefiro um polícia nas ruas, a assegurar (nem que seja de forma preventiva) a ordem.

 

Mas pronto, isto sou eu, que sou esquisita.

Pesquisar

No twitter


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D