Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jonasnuts

O sol quando nasce, é para todos, mesmo quando é demais.

Feriado de 10 de Junho, sol, calor. Dia de praia, para quem gosta da dita cuja.

Não é o meu caso, mas a caminho duma esplanada, faço quase toda a Marginal.

Vou a caminho do almoço.

 

As praias estão cheias.

A abarrotar.

Grandes, pequenos, novos, velhos, homens, mulheres e crianças.

 

Tendo em conta que é hora de almoço, vá, digamos que é uma da tarde, as praias não deveriam estar vazias?

 

Haverá quem ainda não saiba que o sol, entre as 11h00 e as 16h00 é impróprio para consumo?

 

Ok, são adultos, estão por vossa conta e risco.

 

Mas ir com as crianças para a praia, grelhá-las ao sol de Verão não é ser-se um pai responsável.

 

Se eu não vacinar o meu filho sou penalizada. Se o meu filho não frequentar o ensino obrigatório, eu sou penalizada. Acho lindamente. Tenho de ser responsabilizada, enquanto mãe de uma criança.

 

Toda a gente sabe que o sol faz mal, nesta altura do campeonato a informação já é senso comum. Porque é que insistem?

 

Costela inglesa

Sempre achei que tinha uma costela inglesa. Não sei porquê, porque nem tenho bifes na família. Eventualmente podia achar que os cabelos loiros e os olhos claros se deviam a um familiar  inglês perdido na árvore genealógica, mas não, é tudo ali das Beiras, e aparentemente há nas Beiras uma raça de gente que é assim, loiro e de olhos claros, e tão portugueses como os outros, são os carneireiros. Sempre que ia à terra da minha avó paterna ouvia dizer de mim e da minha irmã, estas são carneireiras.

 

Mas esta manhã, o meu filho (rico filho), veio confirmar o que sempre suspeitei. Tenho de facto, uma costela inglesa, que ele herdou e aumentou.

 

 

Ó filho, não se calçam Crocs com meias, vai lá calçar os ténis. Deixa estar mãe, eu gosto mesmo é assim.

Quem sai aos seus...

...não degenera. Ou, muito apropriadamente nesta altura do campeonato, não é de Genebra.

 

Vão lá ler o post que a minha mãezinha escreveu sobre a cobertura que está a ser feita sobre o Euro e a Selecção, para verem a quem é que eu saio, com o meu mau feitio.

 

Eu não escreveria tão bem, mas permitam-me uma correcção, eu não teria escrito "dito", teria mesmo escrito "cu". Eu sou assim, mais apreciadora do vernáculo.

Hoje soube-me a pouco

 

 

Não foi hoje, foi na sexta-feira, mas não podia perder a oportunidade de usar esta frase de uma letra de Sérgio Godinho, porque a verdade, é que me soube a pouco. Os Clã, digo.

 

Por isso, para ver se mais logo faço um post a dizer "hoje soube-me a tanto" sou capaz de ir vê-los mais logo.

 

"Os Clã sobem ao palco da Feira, no Jardim de Oeiras, no dia 9 de Junho, às 22H00."

 

(A foto, fantástica, da Manuela Azevedo é do Fábio Teixeira)

Uma estrela

 

Há anos que lhe sigo o percurso, nem sempre tão de perto como gostaria. Mesmo quando andou pelo estrangeiro, eu não lhe perdi o rasto, sempre atentas a novidades, por pequenas que fossem. Interessam-me as estrelas, esta (e mais duas) em particular. Porque é lindo do morrer, porque é esperto, porque tem mau-feitio e pelo na venta, enfim por muitas razões.

 

É o melhor sobrinho do mundo, o meu sobrinho Vicente.


Ah, sim, o outro que aparece na foto é o Zé Pedro dos Xutos e Pontapés. Saberia ele que estava a ser fotografado ao lado de uma estrela? Provavelmente não, assim como assim o Vicente também não estava nem aí.

A bandeirinha

Irrita-me esta mania de, de 2 em 2 anos haver o furor da bandeirinha, associada ao football.

 

Há um "restaurante" onde vou às vezes almoçar, chamado Magnólia. Usam e abusam dos termos em inglês, e há pouco tempo tiveram mesmo uma campanha de rádio onde diziam que eram especialistas em "fooding". Não os identifico doutra maneira: Onde é que vamos almoçar hoje? Ao fooding?

 

Acho ridículo.

 

Mas acho ainda mais ridículo que a cadeia de foodings, agora que começou o europeu de football, lhes dê para o nacionalismo bacoco, e coloquem bandeirinhas de Portugal na comida que servem. A sério. Peçam uma tarte de maçã e verão. Se não estiverem para aí virados, vejam antes a fotografia.

 

 

 

 

Figuras de estilo

Não sei quem é a agência responsável pela campanha da Galp, mas aquilo, cada cavadela cada minhoca. Primeiro é a cena da malta a empurrar o autocarro da selecção que, tendo em conta os preços dos combustíveis, faz sentido, agora é o follow up dessa mensagem inicial.

 

Se calhar também há um spot de televisão, mas eu sou conheço o spot de rádio. Dois jogadores da selecção, um deles é  Nuno Gomes, reconheço-lhe a voz, a falar sobre figuras de estilo, mais propriamente hipérboles e metáforas.

 

Ora, já é pouco verosímil a cena das pessoas a empurrar a camioneta, mas ok, é o conceito, agora, dois futebolistas a falar de figuras de estilo?

 

Vá lá, não há conceito que aguente.

 

Eu bem lhes dizia onde é que eles hiperbolizaram, e onde é que podem meter a metáfora. Sentir-me-ia ainda mais inspirada se lhes pudesse comunicar a minha ideia enquanto abasteço o depósito do meu carro.

 

Provavelmente usava onomatopeias.

Eu vou, mas devagarinho

Sou uma comodista. A verdade é que há poucos artistas que me levam a sair de casa para os ir ver. E, quando isso acontece, gosto de vê-los comodamente. Na Aula Magna é nos doutorais, no Coliseu é nas cadeiras de orquestra, enfim..... gosto pouco de ajuntamentos, pisadelas, encontrões, gente que fala alto, cabeças à minha frente e demais idiossincrasias dos grandes concertos tipo tudo ao molho e fé em Deus.

 

Posto isto, hoje vou ao Rock in Rio.

 

 

Não fui eu que escolhi o dia, eu por mim nem lá punha os calcanhares, tendo em conta o parágrafo inicial deste post, mas sempre me vou treinando para quando tiver de levar o meu puto, num dos próximos eventos.

 

Ontem vi o cartaz, e nestas coisas, são apenas referidos os cabeças do dito cujo. Ok, faz sentido, são tantos os palcos e os grupos e os artistas, que se falassem de todos, não chegava o espaço.

 

Então, na comunicação do festival, os cabeças de cartaz, para hoje são:

 

Linkin Park

The Offspring

Muse

Kaiser Chiefs

Orishas

 

Acho muito bem, e devem ser todos muito bons e muito animados e muito profissionais e muito apreciados mas para mim, meus senhores, os cabeças de cartaz, seja onde for que actuem, são os Clã (mas este Clã também é muito bom)

 

(Há-de entrar aqui uma foto, se o autor der permissão).

 

Quem já os viu ao vivo, saberá do que falo. Quem anda não os viu ao vivo, que não perca a oportunidade.

 

Às 19h50, não estarei a ver os tais dos Orishas no palco principal. Vou estar a ver Clã no tal do Sunset. E quando acabar Clã, se calhar ainda me socorro do iPod :)

Pesquisar

No twitter


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D