Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jonasnuts

Já repararam?

Desde a semana passada (pelo menos) houve uma alteração ao formulário de comentáriosw do Blogspot.

Antes, para blogs com comentários completamente abertos, havia 3 formas de deixar comentários. Autenticados no Blogspot, identificando-nos com um nome e com um endereço (url) e como anónimo.

Agora, continuam a existir as 3 formas, mas se quisermos apenas deixar um nome, já não temos um campo disponível para deixar o endereço. Portanto ou deixamos o endereço no próprio campo do comentário, ou não temos forma de deixar o endereço do nosso Blog.

Tsss, tss, tss, a excluir assim a concorrência. É o caminho errado.

Limpezas no leitor de feeds

Andava há que tempos para limpar o lixo do meu leitor de feeds de RSS.

Não só aqueles Blogs que deixaram de me interessar, mas também (sobretudo) aqueles que cá tinham vindo parar via planetas.

Os planetas têm algumas vantagens, como por exemplo, darem a conhecer Blogs aos quais não chegaríamos tão rapidamente, de outras formas, mas têm a desvantagem oposta, trazem "lixo" que não subscreveríamos, mas que está cá, na mesma, porque vem agarrado ao feed do Planeta.

Já me tinha acontecido subscrever um determinado planeta por causa de poucos Blogs, mas nunca me tinha acontecido "des-subscrever" um planeta por causa de um Blog.

Hoje foi o dia :)

Momento de indecisão

Durmo um bocado, e volto para os testes pós piripaico às 3 da manhã, ou vou de rajada até às 3 da manhã e durmo só depois dos testes?

O puto tem teste amanhã de manhã, portanto não pode chegar atrasado (nunca pode, mas amanhã ainda pode menos).

Se for dormir só depois dos testes quem é que me acorda à 7 da manhã?

Ele também vai estar nos testes.

Cá para mim, vai ter de ser de directa.

Oh, what a perfect day

Sabem aqueles dias em que quase nada pode abalar a nossa satisfação?
Hoje é um desses dias.
Por causa dele, claro, e da forma como me mima, desde sempre.

Por causa de toda a manhã, e do livro, e da dedicatória e d'O blog.
E porque vêm aí mais coisas.
E porque hoje foi dia de vingança.
E porque ver uma pintainha minha a querer outros voos também sabe bem.
E porque, como dizem estas senhoras ;) uma mulher de 40 tem o dobro do fogo de uma de vinte, e metade da vergonha.
Daqui a um ano, precisamente, terei o dobro do fogo. Já vergonha, nunca tive muita.

Referências de uma geração

Sou a pessoa mais velha da minha equipa. Tenho, em relação ao mais novo, mais de 15 anos de diferença. Mas como essa diferença nunca foi um óbice, pelo contrário, é uma vantagem, às vezes não me apercebo desse gap.

As minhas referências não são as referências deles. Aquilo que me marcou, não os marcou a eles, e vice versa.

Na Sexta-feira cheguei ao pé deles, toda contente, porque tinham acabado de me dizer que uma pessoa que foi uma referência para mim, tinha interesse em fazer um Blog, e que aguardava o meu contacto.

Cheguei, com um sorriso, e afirmei: vocês não vão acreditar quem é que é capaz de começar um Blog no SAPO. Normalmente estas coisas são bombásticas. O Pedro ainda não se refez completamente da surpresa Pedro Rolo Duarte, e eu própria ainda não estou completamente refeita do Maradona. Ficou tudo a olhar para mim, na expectativa. Larguei a bomba e disse o nome da pessoa em causa. Olhei, curiosa, para as expressões deles, e em vez de alegria (ou mesmo incredulidade) vi, em todos, sem excepção, um "mas quem raio é a pessoa de que ela fala"?

NINGUÉM conhecia. Referi os sítios onde a "referência" tinha trabalhado. Nada. Aqueles caramelos não conheciam um jornal de referência, o primeiro jornal que comprei religiosamente todas as semanas. Live Aid. Live Eight? Não porra, o original. Ah, o DVD do Live Aid, não caraças, o Live Aid, em directo, a emissão em directo. Ah, mas tu viste o Live Aid em directo? (tipo, és assim tão velha?).

Desisti. Fui-me embora.
Resignei-me a ser a única contente da equipa, porque se tudo correr bem, vem aí uma referência, inteirinha só para mim :)

Pesquisar

No twitter


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2005
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D