Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Virar à esquerda

por jonasnuts, em 25.09.17

Não vou falar de política. Isto é mesmo um post sobre virar fisicamente à esquerda, e da minha dificuldade em operar tal manobra. De moto.

 

moto.jpeg

 

Isto de andar de moto ainda vai dar uns posts, porque é todo um novo universo de conhecimentos novos que de repente se abateu sobre mim. Guiar uma moto é MUITO diferente de guiar um carro e estou convencida de que apesar de adorar, nunca serei una com a moto da mesma forma que sou una com o carro. Enfim, cenas.

 

Este post é para partilhar e, eventualmente receber dicas de como melhorar, a minha enorme dificuldade em fazer curvas à esquerda. Sejam largas, sejam apertadas, curvar à esquerda apresenta sempre desafios. Uns casos mais do que noutros, claro, mas nunca é smooth.

 

Ao princípio, curvar era difícil, fosse para que lado fosse. Com o tempo, curvar para a direita começou a ser cada vez mais fácil e já nem penso no assunto. Pensar-se-ia que a esquerda iria seguir o mesmo percurso que a direita, não? Não. 

 

Se eu fosse atrás de mim, numa rotunda, iria a insultar-me, tal é o grau de azelhice, nabice e maçariquice demonstrado.

 

Eu bem digo aquela coisa do "olha para onde queres ir, que a moto trata do resto" e que com as curvas à direita funciona lindamente, mas à esquerda, eu bem olho, eu bem me inclino, eu bem tento imitar a direita e sai-me sempre uma desgraça.

 

Algum truque? Sugestões? É mesmo assim? Estratégias precisam-se, porque já está a terminar o período durante o qual é legítimo eu alegar ser nova e inexperiente. 

 

 

 

(E não é medo de cair, porque tanto se cai para a esquerda como para a direita e também porque já me estreei nesse capítulo, com direito a mazelas físicas e a mota no estaleiro durante um bocadinho).

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



12 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 25.09.2017 às 16:55

Exato... Tende a deitar-se para o lado contrário do que estás a espera... Empurrares o punho da direita não vai fazer o guiador virar para a esquerda... (Não é um empurrão... Mas sim um encosto)...

A mota por causa das forças que a mantém em pé vai ter tendência a contra balancear a instrução que lhe estás a dar... Com um pouco de prática vais lá.

Assusta no início mas depois vais ver que te habituas.

Quanto ao seres novata, vais sempre progredir até ao fim... Serás sempre uma eterna novata... :) Há sempre situações novas, por muito que uses sempre o mesmo caminho! :)

Comentar post






Arquivo