Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




subscrever feeds


Arquivo



Mitt Romney

por jonasnuts, em 31.07.12

Mais um tiro no pé.

 

 

Para quem não sabe quem foi a Sally Ride.

 

I love Twitter.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

É impressão minha....

por jonasnuts, em 05.11.08

Ou há mais Blogs portugueses a cobrir as eleições americanas do que houve blogs portugueses a cobrir as ultimas eleições portuguesas?

 

Imagine-se que até António Costa, o tal do submundo, está a fazê-lo, no Abrupto.

(Via Cachimbo de Magritte)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Noutra perspectiva

por jonasnuts, em 05.11.08

Acompanho na CNN a noite eleitoral americana.

 

Há o folclore, e os écrans digitais, e os hologramas, e a tecnologia, e um painel de comentadores (alguns nasceram ou cresceram nos Blogs), e oiço frequentemente o Wolf Blitzer referir o site da CNN como uma óptima fonte para MAIS informação. Quando eu digo "com frequência", é mesmo com frequência, pelo menos três vezes, em cada bloco. Encaminha as pessoas para o site.

 

Claro que o site tem, de facto, mais informação, aquela minúcia que não cabe na rua da betesga que é a televisão. O site complementa a emissão (e fideliza os espectadores/visitantes).

 

Posso estar enganada, aliás, espero estar enganada, mas numa qualquer noite eleitoral portuguesa, uma daquelas que está agendada para estes tempos mais próximos, vejo as nossas televisões a passarem o endereço do site, em rodapé (chega e sobra, não é?), e a terem uma página pindérica, sem qualquer informação útil, adicional.

 

Os meios de comunicação social tradicionais não sabem usar a internet como uma ferramenta potenciadora de audiência, ainda consideram a internet como uma ameaça. E enquanto não abrirem os olhos, e enquanto não contratarem pessoas competentes (não precisam de perceber de televisão, mas é imprescindível que percebam de internet em larga escala, e o filho recém-licenciado do administrador do momento, que até percebe umas coisas de informática,  não serve), dizia eu que, enquanto não levarem a Internet a sério, esta, em vez de se tornar uma ferramenta complementar, tornar-se-á, de facto, numa ameaça.

 

Opá, ao menos olhem para a televisões a sério, e vejam como é que se faz. Não é para copiarem, é para apreenderem o conceito, adaptá-lo à realidade portuguesa, e então sim, usá-lo.

 

Temo que nos mantenhamos no marasmo do costume, com uma das privadas a escolher pagar a multa para anunciar as projecções 30 segundos mais cedo do que a lei permite, e no dia seguinte trocam-se galhardetes sobre quem é que tinha o maior écran e os gráficos mais giros.

Autoria e outros dados (tags, etc)

O post da moda - As eleções americanas

por jonasnuts, em 05.11.08

Toda a gente está à espera dos resultados das eleições americanas. Há muito tempo que não via tamanho entusiasmo. De todas as Blogosferas surgem posts. Juro que já vi mensagens de apoio aos candidatos em Blogs de Wrestling e de Floribela.

 

A Blogosfera portuguesa está quase tão ao rubo como em noite de Oscars. Quase.

 

Eu estou na CNN. E não há meio de começarem com a emissão das estrelas na passadeira vermelha.

 

Falam muito da Virgínia, será a Madsen? Parece que a luta pelo Oscar de melhor actriz principal está renhida, ali entre a Pensylvania e a Florida.

 

Falta muito? Queri ver as jóias, e os vestidos, e os penteados.

 

Vá lá, despachem-se, que estou a tentar fazer a cobertura da coisa, à frente da televisão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Não serve para grande coisa, mas é giro

por jonasnuts, em 04.11.08

O NY Times pede aos visitantes que digam, numa palavra, o seu actual estado de espírito. Fazem uma Tag Cloud porreiraço, e até permitem identificar as palavras escolhidas pelos apoiantes de McCain e pelos apoiantes de Obama.

 

Eu diria que, lendo esta Tag Cloud, os apoiantes de McCain está à rasca, e os de Obama estão esperançosos. Mas posso estar enganada. E eles também.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Burros há muitos

por jonasnuts, em 29.08.07
Chegou-me através de um Blog americano que leio de vez em quando, na semana passada, um vídeo que mostra uma candidata a Miss Teen USA a espalhar-se ao comprido, na resposta a uma pergunta. Mas espalhar-se mesmo. Tem sempre a desculpa de ser loira, e estava nervosa, e confundiu-se, mas é um espalhanço enorme.


Caiu-lhe tudo em cima. O vídeo foi um dos mais vistos no Youtube, os muitos Blogs referiram o caso, e a conclusão foi, mais coisa menos coisa, a mesma; os americanos são burros.

Há bocado vi no Dias Úteis um post que falava sobre o campeonato de ping pong a decorrer entre americanos e franceses, que aparentemente disputam entre si o troféu da burrice.
Os americanos marcaram muitos pontos, quando responderam ao vídeo da Miss com um vídeo de um concorrente (e público) de um concurso francês. Também é um senhor espalhanço. Quer do concorrente quer do público.



(E vale a pena ver até ao fim).

Não tenho particular estima nem por uns nem por outros. Não me sinto próxima dos franceses por partilharmos o mesmo continente. Por mim, até podiam ficar ambos com o troféu mas, a verdade é que há algo que admiro nos americanos, uma qualidade que eles definitivamente têm, e que não encontro (pelo menos até agora) em quase nenhum país europeu: a capacidade de se rirem deles próprios. 90% dos talk shows de humor americanos fazem-se com base em material interno. De tal forma que por vezes há piadas que me passam ao lado por não conhecer os intervenientes. Se não soubessem rir-se deles próprios, ou se fossem mais circunspectos ou agarrados a formalismos idiotas não haveria material para o Jay Leno, Conan O'Brien, Jon Stewart, Steven Colbert e muitos outros que não tendo programas de televisão, têm espectáculos de stand-up.

Essa é uma qualidade rara e, por isso tiro o chapéu aos americanos. Por mim, podem ficar em segundo lugar no campeonato, e que fiquem os franceses com a vitória, mas gostava que o jogo continuasse por mais um bocado :)

Autoria e outros dados (tags, etc)





subscrever feeds


Arquivo