Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



E agora, os números já chegam?

por jonasnuts, em 10.12.06
Há anos que andamos (alguns, pelo menos) a lutar para que as coisas lançadas no SAPO sejam optimizadas para mais do que um browser, isto é, para IE sim senhor, mas também para Firefox, e Safari e afins.

Como normalmente os prazos são apertados o "produto" (seja lá isso o que for) acaba sempre por optar por lançar as coisas a funcionar a 100% apenas para IE. O argumento é sempre o mesmo, 98% dos utilizadores usam o IE. Salvo raras excepções, os serviços e canais do SAPO estão optimizados exclusivamente para IE.

Os que têm, ao longo destes anos, lutado contra corrente, não tinham grandes argumentos, a não ser que os utilizadores que se encaixavam nos 2% que não usavam o IE não deviam ser menosprezados. Debalde (não perco uma oportunidade de escrever esta palavra).





E agora?

Leiam mais, aqui

 

UPDATE: 08/05/16 - O http://www.theinquirer.net/ matou a imagem, mas era uma imagem que mostrava um número crescente e significativo de utilizadores de Firefox, na Europa, numa altura em que sempre que eu sugeria que os sites fossem optimizados também para estes browsers olhavam para mim como se eu fosse maluqinha.

Autoria e outros dados (tags, etc)



3 comentários

Sem imagem de perfil

De Sérgio Rebelo a 10.12.2006 às 17:40

E a tendência é para subir, por isso tem mesmo de se ter em conta o Firefox ao contrário por exemplo de suportar a resolução 800x600 que ainda pode representar uns quantos por cento do total mas com tendência para descer.

Nestas coisas de olhar para os números, convém olhar também para as tendências.

E para quando as novidades? Estou à espera.
Sem imagem de perfil

De Vitor Dias a 30.12.2006 às 14:58

"Como normalmente os prazos são apertados o "produto" (seja lá isso o que for) acaba sempre por optar por lançar as coisas a funcionar a 100% apenas para IE. "

No Comments!
Imagem de perfil

De jonasnuts a 30.12.2006 às 19:59

Devagar se vai ao longe.
Antes reviravam os olhos, quando ouviam falar em sistemas operativos e browsers que fugissem "à norma", agora já ouvem com mais atenção.

Os últimos serviços do SAPO já apresentam grandes melhorias nesse aspecto, e eu acho que estamos no bom caminho.

Comentar post






Arquivo