Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Pipoca oncológica

por jonasnuts, em 27.02.13

Acho que nunca falei da Pipoca aqui neste Blog. Alguma vez havia de ser a primeira. Embora o post não seja exactamente sobre a Pipoca.

 

Então a Pipoca faz um post a cascar na farpela que alguém decidiu levar à cerimónia dos Oscars. Até aqui, tudo bem, nada de anormal.

 

De repente, descobre-se que a criticada é uma miúda de 16 anos, a Ana Sofia, que é doente oncológica - odeio eufemismos - que está prestes a vencer uma batalha contra o cancro - assim está melhor - e que foi à cerimónia por ter sido esse o desejo que formulou junto da Make-A-Wish, uma organização (abençoados) que tenta realizar os desejos de miudagem que está a meio de batalhas difíceis.

 

E pronto, está montada a novela. Cai o Carmo e a Trindade, porque a Pipoca criticou, naquilo que me parece ser o seu estilo habitual - uma miúda que sofre de - vamos a mais um eufemismo - doença incurável - continuo a não gostar - uma miúda que tem um cancro. Reparem, o problema não é ser uma miúda, o problema é ser uma miúda com cancro. A Pipoca remove o post, desculpa-se, acho. Mas o Carmo e a Trindade continuam a cair.

 

Está mal.

 

Ter um cancro é uma merda. Lutar contra um cancro é uma batalha dura, que funciona em permanência. Alguém que está a lutar contra um cancro, não é um coitadinho, e não deve ser tratado como tal. Alguém que está a lutar contra um cancro é um guerreiro ou uma guerreira, e é dessa forma que tem de ser tratado e encarado. "Ah... veste-se horrorosamente, mas como tem um cancro não se pode dizer". É isto que a maioria das pessoas está a dizer. E é burro. Ter um cancro não vem com benefícios especiais, pelo contrário, não transformas as pessoas más em pessoas boas, nem as pessoas feias em pessoas bonitas, nem as pessoas que se vestem mal em pessoas que se vestem bem. Uma pessoa com cancro deve estar para além da crítica? Devemos dourar a pílula? Para mim, não. Por todos os motivos, mas sobretudo porque seria difícil: "olhe que essa saia é - a senhora é doente oncológica? Não? - então a saia é horrível". Que palermice.

 

Eu não sou fashion, nem percebo nada de moda. Sei do que gosto e do que não gosto. Dá-me igual o que estranhos pensem acerca do assunto, mas aqui fica a forma como eu resolveria a coisa, se eu fosse a Pipoca.

 

Mantinha o post original a cascar na farpela (já que era essa a minha opinião, além de que sou contra a remoção de posts, já terei dado provas disso no passado)

Ficava caladinha no Blog, mas contactava a Ana Sofia e falava pessoalmente com ela.

E se a Ana Sofia estivesse a fim, passávamos uma tarde de compras, com ela como manequim e eu como fashion advisor, num makeover.

Depois, e caso obtivesse autorização da Ana Sofia e dos seus encarregados de educação, escrevia sobre isso no Blog e, com sorte, até punha uma ou outra foto. Melhor... um antes e um depois.

 

Chama-se a isto damage control com benefícios mútuos.

 

Mas, lá está, eu não sou a Pipoca.

 

E, por último, a afirmação que interessa:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



24 comentários

Sem imagem de perfil

De JP a 27.02.2013 às 21:50

Falou e disse, Jonas!
Sem imagem de perfil

De Helena a 27.02.2013 às 21:50

Que engraçado, escrevi há cerca de uma hora algo semelhante no Boas Intenções (da próxima vez que nos encontrarmos, havemos de fazer uma sessão de autógrafos mútuos, que dizes? ;-) )

Acrescento que este episódio me lembrou o da Pólo Norte a dizer que os postais de Natal pintados por deficientes são feios. Ela dizia que as pessoas doentes não são coitadinhas que nos impõem um silêncio respeitoso. Respeito é criticar o que fazem numa atitude de ver nelas como aquilo que são: pessoas inteiras.

Uma outra questão é essa mania de criticar as fatiotas dos Óscares. Nunca percebi a graça, e duvido que quem critica conseguisse passar por aquela passadeira sem dar motivos para os outros criticarem com a mesma crueldade.
Imagem de perfil

De jonasnuts a 27.02.2013 às 21:52

Olha... quando é que vens a Lisboa? :)
Sem imagem de perfil

De Helena a 01.03.2013 às 10:29

por volta de 15 de Julho - levo a caneta! :)
Sem imagem de perfil

De Sx a 27.02.2013 às 22:48

Muito bem pensado.
Mas tal como a samsung.. retirou o post!! Alimentando ainda mais a polémica
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 27.02.2013 às 23:04

O politicamente correcto é uma doença tramada... 100% de acordo.

Jorge Soares
Sem imagem de perfil

De Mammy a 27.02.2013 às 23:10

Eu, que também sofro do eufemismo (leia-se doença oncológica), estou completamente de acordo!
Talvez tenha sido por essa atitude parva generalizada, que a maioria das pessoas tem com os portadores de células tumorais malignas (porra, que é mesmo difícil sair-se do eufemismo!), que quando a minha batalha, com o dito bicharoco, estava no auge, a tentei conservar o mais privada possível. Os olhinhos de pena e as delicadezas excessivas irritavam-me demais!
Bjs
Imagem de perfil

De jonasnuts a 27.02.2013 às 23:23

Boa decisão. O politicamente correcto é tão discriminatório.

Sem imagem de perfil

De David Santos a 28.02.2013 às 02:53

Acredito que a parte da "coitadinha" sirva apenas para alimentar algumas flames já por ai plantadas, e diga-se apanharam-na bem.

Mas o que mais adorei neste conto encantado foi... não conhecer o blog, e do pouco que vi(pouco mas vi) que se trata de um antro de pessoas que acha que por ter uma roupa azul é melhor que o que tem a roupa vermelha. Já vi a mesma cantiga cantada em tantos tons, mas esta talvez por eu assumidamente gostar de andar apenas vestido, deixou-me entusiasmado.
Sem imagem de perfil

De Irene Correia a 28.02.2013 às 14:21

Jonas é mesmo isso, deste "voz" ao que eu penso. :)

E já agora diz-se que a Sofia Alves quer processar a pipoca porque ela disse que também ela se vestia mal.
Aqui uso a "voz" do povo para comentar, "É a emenda pior que o soneto!" :D
Sem imagem de perfil

De Marco a 28.02.2013 às 16:55

Sim, concordo que o factor cancro aumentou os níveis de hipocrisia com que o assunto foi tratado… isso e o gozo que deu a muitos outros de apanhar a pipodoce a meter água.

Para mim nada tem a ver com cancro nem com pena, mas com falta de sensibilidade. Bastava um minuto a olhar para a foto para perceber que ali estava um caso especial. Se ela conhecia o nome e sabia que era portuguesa, poderia ter pensado Que estava ali uma portuguesa adolescente a fazer? Como foi lá parar? Se pela maneira como se veste está tão obviamente deslocada do ambiente, qual é a história? Não é preciso o factor cancro para uma pessoa pensar duas vezes antes de criticar cruelmente a rapariga como se fosse uma milionária das passarelles. Dois minutos de Google e tinha descoberto a história.

Não o fez, porque o primeiro instinto de quem faz este tipo de «crítica» é mandar abaixo e desprezar a pessoa. Normal nos dias de hoje? Sim, o que não significa que tenha de se aceitar as galacticamente obtusas só porque alguém agita a bandeira do politicamente correto. Avaliar uma pessoa daquela idade e deitá-la abaixo só por causa do que ela tem vestido para mim é sempre um exercício doentio – com ou sem cancro.
Sem imagem de perfil

De antonio diogo a 28.02.2013 às 18:34

pelo que eu li ,pareceu-me mais inveja que outra coisa . e só li o que se falou pela net , claro .
deve ser mais uma bonequinha armada em parva , com o tico morto e o teco de férias. dizer que o gorro era do irmão que andava a assaltar ?
haja decoro .
mas conseguiu ...nem que seja falar da idiota que escreveu aquela merda .
aflige-me gente que se dá ares ...
Imagem de perfil

De jonasnuts a 28.02.2013 às 19:41

A quantidade de gente que deixa comentários sem ler o post é extraordinária.

Ou isso ou expliquei-me mal. Também é uma opção.
Sem imagem de perfil

De Pedro Aniceto a 01.03.2013 às 10:00

Eu acho que deixaste de fora uma parte importante. Ela, acho eu, deslumbrou-se. Aquilo do assaltar carros e da bimbalhona do pior, vai sair-lhe caro...
Sem imagem de perfil

De antonio diogo a 01.03.2013 às 19:59

ou não percebeu o que se respondeu .
ou isso ou os comentadores explicam-se mal .
lol
Imagem de perfil

De jonasnuts a 01.03.2013 às 20:09

Tudo hipóteses viáveis :)

Comentar post


Pág. 1/2






Arquivo