Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Iogurtes caseiros - Poupar na despesa

por jonasnuts, em 30.09.12

Eu sempre disse que o melhor dos Blogs é a interactividade. Em alguns casos, os comentários são poluentes, mas no meu Blog, não é assim (enfim, tirando um ou outro troll de estimação, mas, neste caso, até servem como forma de distracção e animação. Fazem parte do folclore local, digamos assim).

 

Mas não é de trolls que se fala aqui. Uma conversa no meu post sobre o Kefir, entre o António Manuel Dias e Jorge M Santos deu lugar a uma informação que eu acho que deve ser promovida a post. Não tem nada a ver com Kefir, mas sim com iogurtes feitos em casa.

 

Diz o António:

"Costumo fazer iogurtes naturais para mim mas, aqui há uns tempos, tive cá em casa uma criação de Kefir que consegui arranjar através de um colega de trabalho. Não consegui comer -- o sabor e cheiro é mesmo a leite muito estragado. E atenção que eu como os iogurtes naturais simples, sem açúcar e gosto mesmo de coisas ácidas ou amargas (mesmo no café bebo simples).

Para além disso, é bastante mais fácil fazer iogurtes do que cuidar do Kefir. Tenho uma iogurteira que leva sete copos que me transforma 1 litro de leite em iogurtes de um dia para o outro :) Depois é só guardá-los no frigorífico (são iogurtes iguais ao outros). Para fermentar o leite uso um pouco de iogurte -- basta uma colher de café dividida pelos sete copos. Há quem use fermento lácteo, mas é mais fácil usar um pouco de iogurte. Na minha experiência, deve usar-se sempre leite gordo: leite magro ou meio gordo resulta sempre em iogurtes demasiado líquidos.
"

 

Pergunta o Jorge:

 

"De um dia para o outro?? e o custo de electricidade compensa relativamente ao custo dos ja feitos?"

 

E o António responde com as contas que eu própria já tinha alinhavado fazer, mas por ser especialista em procrastinar, nunca fiz:

 

"A minha iogurteira tem uma potência de 12-14W, o que quer dizer que em 24 horas, com o preço do KWh a 15 cêntimos (penso que é inferior), terá um gasto de cerca de 5 cêntimos (0,014 x 24 x 0,015) por cada fornada de iogurtes. Juntando a isso o preço de 1 litro de leito gordo (marca branca) a 65 cêntimos, os sete iogurtes ficarão com um preço total de 70 cêntimos -- 10 cêntimos por iogurte. Na loja online do Continente, um pack de 8 iogurtes naturais de 125g estão cotados a 1,38€ -- mais de 17 cêntimos por iogurte. Para além disso, os meus iogurtes ficam cerca de 50% maiores que estes iogurtes do Continente :)

Notas:
1. O manual da iogurteira recomenda 17 a 20 horas para fazer os iogurtes; eu faço em 23 horas porque me parece que obtenho melhores resultados com esse tempo.
2. Uma iogurteira não é mais que uma estufa que mantém a temperatura do leite a cerca de 37ºC; há vários tipos à venda e poderá, provavelmente, ser feita de modo artesanal.
"

 

Tungas. Serviço público, levado até si pelo Jorge (que é curioso), e pelo António, que é bom de Iogurtes e de Matemática :)

Autoria e outros dados (tags, etc)



23 comentários

Sem imagem de perfil

De Carlos Afonso a 30.09.2012 às 14:46

Outra hipótese para um consumo ainda mais baixo de energia é usar uma daquelas caixas de esferovite (em vez ou em complemento da iogurteira com leite amornado ou após estadio de algumas horas na iogurteira) permitindo fazer com uma iogurteira muitos mais iogurtes.
Imagem de perfil

De jonasnuts a 30.09.2012 às 14:47

E qual seria o prazo de validade dos iogurtes? :) O mesmo do leite usado para o efeito?
Imagem de perfil

De Claudia Borralho a 30.09.2012 às 14:54

também há quem use a panela de pressão abafadinha para manter a estufa = gasto zero
http://aproveitaravidaja.blogspot.pt/2009/09/pois-e-sabiam-que-podem-fazer-iogurtes.html
Imagem de perfil

De Mac a 30.09.2012 às 16:37

E se os quiseres mais espessos, tipo grego, junta a cada um uma colher de chá de leite em pó Milo, ficam uma delícia :)

(confesso que lhes cheguei a juntar duas colheres de chá de Milo, mas ficam umas bombas)
Imagem de perfil

De Mac a 30.09.2012 às 16:42

* leite Nido, qual Milo!
Imagem de perfil

De jonasnuts a 30.09.2012 às 16:54

É um erro geracional :)

Nós crescemos a usar Milo no leite, para o achocolatar :)
Sem imagem de perfil

De Cristina a 30.09.2012 às 16:41

Os meus ficam 12 horas na iogurteira e são feitos com leite magro e têm boa consistência. Deve depender das marcas da iogurteira... Nunca fiz contas quanto à electricidade, mas considerando que quase não aquece, provavelmente compensa. A mim de certeza que compensa, já que prefiro o leite biológico e estava fora de questão pagar tanto por iogurtes biológicos...
Sem imagem de perfil

De Ana 100 Sentidos a 01.10.2012 às 01:44

Eu faço na Bimby e mantenho abafado numa caixa térmica com uma manta polar.
Deliciosos e óptimos para juntar frutas, cereais ou compotas.
Sem imagem de perfil

De Jorge Santos a 01.10.2012 às 07:54

Então resumindo, compensa fazer os ditos cujos em casa, seja na iogurteira ou seja na bimby.
Uma ideia deixo aqui que acho que seria interessante "alguém", entenda-se M. João, agarrar era criar um blog de "economia domestica" por assim bem lhe chamar, onde todos possamos dar o nosso contributo seja com receitas ou seja com formas de poupar em tempos de crise.
Levando a ideia mais a frente até poderia ser um blog com uma área de trocas.
Imagem de perfil

De jonasnuts a 01.10.2012 às 09:29

Ui, já há muitos Blogs desses. Posso fazer uma lista e transformar em post :)
Sem imagem de perfil

De BL a 28.10.2012 às 11:45

Isso era de valor
Sem imagem de perfil

De Sofia a 02.10.2012 às 12:36

Ah agora entendi porque os meus iogurtes saiam líquidos, era porque usava o leite meio gordo. Vou experimentar com o gordo a ver o que resulta :) E bem respondido pelo preço dos iogurtes. Realmente fica mais barato que comprar fora e são nossos. E dá sempre para fazer iogurtes com vários sabores só numa iogurteira :)
Sem imagem de perfil

De antonio diogo a 02.10.2012 às 21:11

e fazendo o papel de advogado do diabo , ninguém falou no preço da iogurteira ... ou será que não conta para o preço final dos iogurtes ?
Imagem de perfil

De jonasnuts a 02.10.2012 às 21:15

Ah, mas eu aprofundei essa questão.

Em primeiro lugar, na realidade, não é preciso uma máquina de fazer iogurtes, para fazer iogurtes :)

Eu fiz iogurte de ontem para hoje, e não tenho máquina (ok, tenho uma bimby, mas basta uma caixa daquelas de esferovite e uma lâmpada, que mantenha a temperatura constante, dentro da caixa).

Mas, mesmo que seja comprada uma máquina, que custa entre €15/25, ao fim de meia dúzia de fornadas de iogurte está amortizada, e o resto é poupança.

É o chamado, dar um passo atrás para dar dois passos à frente :)
Imagem de perfil

De Vita C a 03.10.2012 às 10:35

Eu não uso iogurteira: saco de água quente e os copos com futuro iogurtes envolvidos em cobertores :) e ficam uma maravilha! 12 horas e tcharan!
Sem imagem de perfil

De Blondewithaphd a 03.10.2012 às 11:36

Fazer os iogurtes tal como para a iogurteira mas em vez de se colocarem na iogurteira, colocar os frasquinhos numa panela grande com água morna e embrulhar num cobertor. Dá o mesmo resultado.
Sem imagem de perfil

De Helena a 03.10.2012 às 17:41

Olá,
Eu faço regularmente iogurte sem máquina nenhuma, e utilizo outra "variação": um boião de vidro, embrulho num cobertor e guardo no forno de um dia para o outro. Fica um pouco menos sólido do que o das iogurteiras.

Comentar post


Pág. 1/2






Arquivo