Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



#PL118 Os pareceres "técnicos"

por jonasnuts, em 06.01.12

De acordo com o líder parlamentar do PS, Carlos Zorrinho, vão ser feitas audições, antes das votações.

 

 

Não sabemos a quem é que vão ser feitas as audições mas, a julgar pelo parecer técnico que acompanha a proposta do PS e que foi enviada para a Presidente da Assembleia da República, recomenda-se que sejam ouvidas, as seguintes entidades:

 

Secretaria de Estado da Cultura

Ministério da Economia e do Emprego

Ministério da Solidariedade e da Segurança Social

Associação de Gestão da Cópia Privada

ADAPCDE - Associação para o Desenvolvimento das Actividades em Portugal de Circos, Divertimentos e Espectáculos

Sindicato das Artes e Espectáculos (SIARTE)

Sindicato dos Músicos

Centro Profissional do Sector Audiovisual (CPAV)

GDA - Cooperativa de Gestão dos Direitos dos Artistas Intérpretes ou Executantes

Plataforma dos Intermitentes

REDE (Associação de Estruturas para a Dança Contemporânea)

Associação de Produtores de Cinema

Associação de Produtores Independentes de Televisão (APIT)

UGT

CGTP  - Intersindical Nacional

Sindicato dos Músicos

PLATEIA

Sociedade Portuguesa de Autores (SPA)

APIT - Associação de Produtores Independentes de Televisão

Observatório das Actividades Culturais

Associação Portuguesa de Editores e Livreiros

 

Não há UMA associação de defesa do consumidor, não há uma associação que represente o Creative Commons, não está ali representado o cidadão eleitor.

 

Isto parece um circo, e estão a fazer de nós palhaços. Vai na volta e é isso, está ali a "Associação para o Desenvolvimento das Actividades em Portugal de Circos, Divertimentos e Espectáculos" para nos representar a todos. Palhaços, mas dos tristes.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



13 comentários

Sem imagem de perfil

De RuiSeabra a 06.01.2012 às 22:28

É muito pior que isso. Algumas das entidades "a consultar" escreveram o #PL118.

http://ur1.ca/7anzo
Imagem de perfil

De Eduardo a 06.01.2012 às 22:40

Não está ali ninguém da indústria e comércio de equipamento digital, nem nenhum expert em tecnologia.
Sem imagem de perfil

De Luis Correia a 06.01.2012 às 22:46

Nem a famosa DECO, nem os revendedores de informática, nem verdadeiros técnicos e profissionais do ramo.

Mas mais importante aínda, o cidadão comum!
Imagem de perfil

De jonasnuts a 06.01.2012 às 22:48

O cidadão comum, era suposto ser representado pelos deputados, mas pelos vistos....... os deputados estão mais interessados em representar os interesses da indústria dos lobbies.
Sem imagem de perfil

De Sandra Cunha a 06.01.2012 às 22:59

Olá,

"Não há UMA associação de defesa do consumidor, não há uma associação que represente o Creative Commons, não está ali representado o cidadão eleitor."

Para além do Instituto de Defesa do Consumidor (e desconfio que não te estejas a referir a estes), confesso a minha ignorância na matéria. Podes por favor dizer-me quais são?



Imagem de perfil

De jonasnuts a 06.01.2012 às 23:05

A DECO era o mínimo dos mínimos dos mínimos.

http://creativecommons.pt/

E há-de haver associações da indústria e comércio de equipamento digital, e, recordo, Carlos Zorrinho foi o responsável pelo Plano Tecnológico, pelo que não hão-de lhe faltar conhecimentos e contactos nestas áreas.

Mas esse é um desafio interessante, elencar uma série de organismos, e de pessoas cuja competência técnica é reconhecida, que deveriam constar da lista de entidades/pessoas a consultar.
Sem imagem de perfil

De Sandra Cunha a 07.01.2012 às 00:06

Obrigado.

Já é um começo. Se essa lista crescer é enviá-la a todos os grupos parlamentares. Não tenho a certeza mas acho que todos os partidos (mesmo não sendo os proponentes do Projecto lei em discussão) podem chamar pessoas e entidades para serem ouvidas.

Imagem de perfil

De jonasnuts a 07.01.2012 às 01:26

As próprias entidades que se considerem parte interessada, podem pedir para serem ouvidas. A iniciativa não está, em exclusivo, do lado da comissão.

(ando a ler regulamentos das comissões :)
Sem imagem de perfil

De eu a 09.01.2012 às 08:38

a DECO só representa os interesses dela própria. só defendem quando lhes dá jeito. nem sequer é uma associação, é uma empresa privada que até vende os produtos que "avalia" nas suas revistas.
eu deixaria a DECO de lado e colocaria ali a APDC, essa sim, uma associação de defesa do consumidor.
Sem imagem de perfil

De Container a 07.01.2012 às 01:11

Então e os fabricantes, distribuidores e vendedores de discos ...não são ouvidos?
Imagem de perfil

De jonasnuts a 07.01.2012 às 01:24

Pois...não sei, só sei que o parecer técnico não os inclui na lista de entidades recomendadas.
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 07.01.2012 às 12:34

...ÓXIMORO!


MAC
Sem imagem de perfil

De Alex a 09.01.2012 às 12:35

Jonas o parlamento não é nenhum circo, pois assim faziam todos figura de ursos o que não é verdade.
O parlamento, oficialmente Parlamento SA. tem por missão promover o desenvolvimento da actividade económica dos patrocinadores políticos, através do desenvolvimento de negócios ruinosos para o pais, mas saudáveis para os bolsos de ambas as partes (patrocinadores e políticos).

Comentar post






Arquivo