Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Totó, mas com ouvido

por jonasnuts, em 25.02.11

Por causa do post sobre música clássica erudita, o Ricardo deixou nos comentários uma recomendação de ponto de partida, que segui.

 

A verdade é que conhecia a grande maioria das melodias, o que me faz pensar que não serei assim tão totó como isso, enfim, sou só semi-totó, mas não é disso que quero falar.

 

Ali no meio duma das músicas, algo me estava a incomodar.Faltava ali qualquer coisa. Fui ver. Dizia que era o Adiagoo Adagio Sostenuto from piano concerto nº 2, do Rachmaninoff. O nome é reconhecível, mas não percebi o que raio me estava ali a faltar. Enfim, fui à minha vidinha.

 

Mas aquela playlist continuava nos auscultadores, e passado uns tempos, lá estava outra vez a mesma musiquinha e eu a sentir ali a falta de qualquer coisa. Caraças pá. Não passas de hoje, que eu gosto pouco de coisas que me encanitem.

 

Fui ouvir com atenção, enquanto cantarolava, e de repente, ali a meio da música que cantarolo, divergi e continuei, All by myself, don't wanna be. Ah, sacana, que te apanhei. Esta merda é o all by myself. Descobri um plágio!

 

Enfim, não descobri nada, quer dizer, até descobri, mas não fui original, obviamente. A coisa está inscrita nos anais da história (portanto, está na Wikipedia), e pode ser lida aqui.

 

Mas pronto, fiquei satisfeita por saber que apesar de totó, não sou assim tão dura de ouvido. Já sobre os gostos musicais, parece que não posso ficar tão satisfeita como isso :)

Autoria e outros dados (tags, etc)



9 comentários

Imagem de perfil

De pintolaranja a 25.02.2011 às 16:23

Tenho a ligeira impressão de que a primeira música da selecção também já foi plagiada algures... tipo anos 70 ou 80? Não me consigo infelizmente lembrar onde é que ouvi tal coisa :(

De resto devo dizer que a selecção está muito boa :)

Já tentaste ouvir os álbuns da "The Classic Experience"? Também são uma boa introdução à música dita Erudita :)
Ainda tenho o primeiro em vinil!
Sem imagem de perfil

De Tiago Azevedo Fernandes a 25.02.2011 às 21:53

Estive a ouvir uns bocados das selecções de Bach dessa lista. As interpretações são de fugir, além de que tanto quanto percebi as partes de voz são todas convertidas para instrumental. Vale a pena apostar em interpretações decentes, não tem mesmo nada a ver. ;-)
Sem imagem de perfil

De drg a 25.02.2011 às 21:53

Cara Jonas,

depois do caso ensitel, julgo que isto poderá interessar-lhe:

http://www.destak.pt/opiniao/87876-a-parva-da-geracao-parva

Imagem de perfil

De Olavo Lüpia a 25.02.2011 às 22:16

o 2.º Concerto para piano e orquestra do Rachmaninov deu origem a muitas referências musicais, sendo a mais óbvia o 'All By Myself' do Eric Carmen.
Mas, se ouvires as estrofes do 'Life On Mars?' do Bowie, vês que a estrutura dos acordes é igual.
já tinha pensado nisso e, se estás curiosa para saber mais alguns exemplos disso e pedindo desde já desculpa pela publicidade abusiva, podes ver este post antigo: http://androideparanoide.blogs.sapo.pt/249133.html
Acho que a entrada da Wikipedia sobre o Rach 2 também referencia algumas outras obras.
Sem imagem de perfil

De George Sand a 27.02.2011 às 22:36

Isso vai acontecer muitas vezes. A inspiração e a transpiração da maior parte do músicos foi clássica.
Imagem de perfil

De angelo a 28.02.2011 às 17:39

resposta ao seu comentário e a sua disponibilidade para ajudar feito no blog galaxy.

Não: ninguém me apagou nada: eu apaguei cerca de uns 30 documentários e e listas dos respectivos link de todos eles: era ate para apagar tudo:
Nunca tive problemas ate que um certo dia ao tentar publicar o documentário inside job a verdade da crise, deixei de poder publicar na secção midia o codigo html com o respectivo documentário que está alojado num outro site:
Publicar publico, só que o documentário não aparece:
resposta ao seu comentario no blog galaxy:

Fiz um teste rápido e publiquei o mesmo código num blog do google e não tive problemas; mas fiz mais!. Voltei a fazer mais uns upload´s de outros documentários
Para o site onde eu alojo os meus documentários e voltei a tentar publicar e só aparecia o titulo.
Provavelmente é problema de COPI REITER dado que no meu blog o visionamento era publico e sem restrições, e como eu sou sério á minha maneira… FIM…
Imagem de perfil

De jonasnuts a 28.02.2011 às 17:40

Respondi-lhe do outro lado :)
Sem imagem de perfil

De ana tiago a 02.03.2011 às 12:18

Numa quarta-feira de lua minguante pela manhã, pegue um copo e encha de água até a metade, acrescente o mesmo número de grãos de arroz equivalente aos kilos que você quer perder. Cada grão de arroz equivale a um kilo. Por exemplo: se você quer eliminar 10 kilos, coloque 10 grãos de arroz na água. escolha antes os grãos, pois devem estar inteiros, ou seja, sem estarem quebrados, partidos.
Na noite dessa mesma quarta-feira beba toda a água sem engolir os grãos, deixe esses mesmos grãos dentro do copo, e encha novamente o copo com água até metade.
Na manhã de quinta-feira em jejum, beba toda essa água e não engula os grãos, deixe-os no copo e encha novamente com água até a metade.
Na manhã de sexta-feira, em jejum, beba toda a água com os grãos. agora pode engolir os grãos de arroz.
Importante:
1 – utilize o mesmo copo durante os 3 dias;
2 – os grãos de arroz devem ser os mesmos; se você engolir sem querer terá que começar tudo de novo em outra quarta-feira de lua minguante;
3 – não faça regime durante a simpatia;
4 – não coloque mais grãos do que os kilos que você quer eliminar, porque esses kilos não retornam nunca mais;

Na mesma quarta-feira que você iniciou a simpatia, repasse ou faça anúncios na mesma quantidade de kilos que você vai eliminar, por exemplo: você vai eliminar 4 kilos, colocou 4 grãos de arroz na água, então você fará 4 anúncios com essa simpatia detalhada, ou a repasse para 4 pessoas.

Imagem de perfil

De jonasnuts a 02.03.2011 às 13:10

E se fosses fazer spam para o caralhinho?

Ainda por cima spam a chamar-me gorda.

Comentar post






Arquivo