Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Ofertas

por jonasnuts, em 27.04.10

Fica a informação de que trabalhei uns anos valentes em publicidade, portanto não me venham com tangas.

 

Este post é inspirado pelo som da televisão que está ligada porque ele está a ver, enquanto eu estou no computador.

No intervalo dum programa qualquer são vários os spots cuja locução anuncia que oferecem, que dão, que apoiam, que contribuem.

 

Eu não percebo porque é que não há alguém a fiscalizar esta merda (e a multar os erros de ortografia e de mau português na publicidade, que dava cá uma receita que dava para nos tirar da crise).

 

Tirando os familiares e amigos (e em elguns casos nem mesmo esses), ninguém dá nada a ninguém. Eu repito. Ninguém dá nada a ninguém, muito menos as donas dos produtos que compramos nos supermercados (nem os supermercados, já agora).

 

Os brindes, as ofertas, as prendas, o grátis, o pague dois e leve 3, os cartões de pontos, são iscos, são falaciosos, e são, na sua totalidade, pagos (provavelmente com lucro) por quem compra o que quer que seja que venha colado ao "brinde".

 

Como é que as pessoas são tão ingénuas que ainda acreditam que quem quer que seja lhes ofereça seja o que for?

 

Burros!

Autoria e outros dados (tags, etc)



4 comentários

Sem imagem de perfil

De Phil a 27.04.2010 às 19:24

No limite, essas "ofertas", permitem-nos gastar menos. Veja-se o dia do aderente da Fnac que teremos no final da semana, com tudo a 10%...a questão é que...mesmo com todos esses descontos, neste caso, a Fnac, nunca ficará a perder...nunca. E quem diz a Fnac, diz todos os outros. Os 10% ficarão com certeza, acima da margem da Fnac. E mesmo que fiquei muito próximo, o volume de vendas desses dias, compensa e muito a margem "perdida".

É uma questão matemática muito simples, em que nada é oferecido.
Sem imagem de perfil

De Arzebiu a 27.04.2010 às 22:59

Eu tenho uma opinião algo diferente... eu acho que eles oferecem mesmo algo que é melhor para nós. Veja-se os cartões de cliente como o cartão continente: de facto vamos tendo descontos aqui e ali. Não sei até que ponto ganham dinheiro directamente com essa situação.


O certo é que ao terem esse serviço podem fazer com que familias _prefiram_ gastar o seu dinheiro só no continente, só para usufruir das promoções.


Ou seja, mais vale perderem uns tostões em relação à concorrência, mas fazendo com que as pessoas gastem o dinheiro nos seus estabelecimentos.


Independentemente de eles só quererem ganhar $$, esta concorrência faz bem aos nossos bolsos. :)
Imagem de perfil

De jonasnuts a 27.04.2010 às 23:02

O mercado livre e a concorrência fazem bem aos nossos bolsos, mas apenas porque os impedem de nos extorquirem.
Os descontos só servem para nós vermos o quão roubados somos, quando pagamos sem ser com desconto, basta ir aos saldos.
Sem imagem de perfil

De zé a 28.04.2010 às 11:07

ainda à dias fui ao hipermercado do tio belmiro e vi lá um produto X a um preço e, dias depois, o mesmo produto com uma "promoção" "leve 5 pague 4" mais caro que a versão normal, ou seja, "leve 4, pague 4".


alguém falou aqui nos "descontos". são um engano. principalmente nas épocas "altas" de vendas. há lojas (sim, mediamarkt, estou a olhar para ti mas os teus vizinhos fazem o mesmo) que aumentam os preços algum tempo antes e depois fazem "descontos" a meia dúzia de produtos.


isto para não falar numa "promoção" de natal que vi à uns tempos em que um telemóvel estava a custar mais 100 euros do que o preço habitual.

Comentar post






Arquivo