Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Contradições maternais

por jonasnuts, em 13.02.10

Hoje, depois de uma manhã na ronha, saímos para ir comprar ingredientes biológicos para fazer brownies (pedido específico da criança).

 

E expliquei-lhe tudo (pelo menos o que sei), sobre as vantagens da alimentação mais biológica, e sem insecticidas, e sem aditivos, e cultivado, e sem frutas de estufa, e sem frutas que não são da época e que por isso não têm de viajar nos aviões que poluem, e tudo e tudo e tudo. Lá comprámos o que tínhamos de comprar, depois de andarmos a olhar para as prateleiras e para os rótulos esquisitos, que não são os habituais e que temos mesmo de ler porque não os conhecemos e não queremos correr o risco de trazer coisas que não queremos.

 

Foi tanto o parlapié que ficou tarde para o almoço.

 

Fomos almoçar ao McDonalds.

Autoria e outros dados (tags, etc)



13 comentários

Sem imagem de perfil

De António Bento a 13.02.2010 às 22:55

Agora que já parei de rir, sempre te pergunto; e não podiam ter ido almoçar a um restaurante vegetariano, pelo menos?
Imagem de perfil

De jonasnuts a 13.02.2010 às 22:57

Em cima da hora, no sítio onde eu estava, nem sequer conheço nenhum.
Imagem de perfil

De Jorge Soares a 13.02.2010 às 23:37



Isso é que é passar da teoria à prática ....

Jorge
Sem imagem de perfil

De António Bento a 14.02.2010 às 14:35

Logo este mundo cão tinha que fazer as batatas fritas com ketchup mais gostosas que as couves de Bruxelas. Não é justo.
Imagem de perfil

De pedrocs a 14.02.2010 às 16:52

Ingredientes biológicos... para brownies? Essa agora é que me passou ao lado. Como é que tu fazes brownies que levem ingredientes biológicos?
Imagem de perfil

De jonasnuts a 14.02.2010 às 17:52

errr.... ovos biológicos, nozes e amêndoas bológicas, melaço biológico, etc.... qual é a dúvida?
Sem imagem de perfil

De Ognito Inc. a 14.02.2010 às 21:27

Sem imagem de perfil

De António Bento a 15.02.2010 às 12:30

Jonasnuts, isto se calhar vai ser uma desilusão para si, mas na agricultura chamada biológica podem usar-se pesticidas e fertilizantes. Não são os do costume, são outros mais XPTO que é suposto não estragarem o ambiente. Não deixam por isso de ser tóxicos para as pessoas. Principalmente se não forem respeitados os intervalos de segurança entre a aplicação e a colheita. E há uns anos a DECO fez para aí um estudo e encontrou concentrações de pesticidas ainda mais altas nos "bios" que nos outros.
O "bio" é uma certificação, e as certificações...
Imagem de perfil

De jonasnuts a 15.02.2010 às 12:34

Bom, eu sabia disso, pelo menos calculei, que o meu grau de cinismo não se aplica só aos políticos, aos jornalistas, aos advogados e etc....., eu não sou esquisita, trato quase toda a gente com o mesmo grau de desconfiança :)

E, por falar em DECO, já vi estudos desta associação sobre matérias que eu domino e eram uma desgraça, tecnicamente incorrectas e com erros básicos pelo que, não acredito em nada do que a DECO diga. Se não são tecnicamente competentes nas áreas que eu domino, porque é que haveriam de o ser noutras matérias? :)

Sim, hoje estou bem disposta :)
Sem imagem de perfil

De António Bento a 15.02.2010 às 22:23

Aconteceu mencionar a DECO porque no assunto em questão sei que provavelmente estavam certos. Fui dos primeiros associados da DECO e também devo ter sido dos primeiros a saír. O meu grau de cinismo relativamente a uma data de estaminés pseudo-beneficientes que por aí proliferam deve ser igual ao teu ; )
Sem imagem de perfil

De QuemSouEu a 16.02.2010 às 02:11

Olha para o que eu digo, não para o que eu faço...
Imagem de perfil

De jonasnuts a 16.02.2010 às 09:45

Essa pode ser uma conclusão, de facto.

Outra, pode ser, não sejas radical nem fundamentalista nas tuas escolhas.

Prefiro a segunda.
Imagem de perfil

De PortoMaravilha a 20.02.2010 às 21:05

Sem qualquer ofensa. Esta pergunta é pura e simplesmente curiosidade . Não existem em Lisboa mercearias bio ?

Relativamente aos produtos utilizados, estes não existem numa agricultura bio. Também é verdade que comprar joaninhas, por exemplo, fica mais caro que utilizar X ou Y produto.

É verdade que comprar bio fica muito mais caro em certa medida. Mas esta medida é compensada pela possibilidade de comprar avulso.

E de só existirem fruta e legumes de estação. Neste momento aqui é a couve. Entra-se numa lógica que exclui a grande distribuição, estoquagem, etc.

O que é certo é que mesmo se de vez em quando se apanha legume com bichinhos , o gosto dos legumes não é o mesmo.

Não deixa de ser curioso que os meus filhos sintam o gosto do açúcar nos alimentos bio e não nos outros.

Depois é claro : Os alimentos bio são mais caros. A pergunta seria : É melhor comer menos e melhor ou mais e pior.

Temos uma rede , espalhada por toda a França, de cerça de 2000 mercearias ou bio cooperativas. Exceptuando o azeite, não existem à venda nestas produtos Portugueses bio.

Jonas : a bricolage ( ou memória de bloguista ? ), Ikea, está em greve total em França desde há uma semana. Por melhores salários e emprego de pessoal , já que a multinacional fez grandes benefícios.

Se incomodei , corta .

Nuno



Comentar post






Arquivo