Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]






Arquivo



Inocência

por jonasnuts, em 08.02.10

Perdi a inocência muito tarde. Imagine-se que, quando soube que na universidade se copiava, fiquei chocadíssima. Tinha 16 anos. Percebem? Era muito inocente.

 

Perdi a inocência muito tarde. Mas quando a perdi, não ficou réstia de nada. Sabem aquelas coisas do amor que se transforma em ódio? É mais ou menos a mesma coisa. Passei de inocente idealista bimba para o extremo oposto. Sou cínica, e duvido sempre da natureza humana. É tudo culpado até prova em contrário.

 

Isto tudo para dizer que não ando impressionada com as notícias, e com as manipulações, e com a liberdade de expressão, e com os clamores de viva a liberdade e marchinhas daqui e marchadelas de acolá. Não acredito em políticos (independentemente da sua cor), não acredito nos órgãos de comunicação social, e não acredito na justiça. Todos têm agenda própria e todos se estão cagando para o povinho.

 

São muito raros os casos em que as pessoas enveredam por um serviço público para servir o  público. Enveredam por onde acham que lhes dá jeito, pessoal, enveredarem. Não querem servir o público ou o povo, querem servir-se a eles próprios em primeiro lugar, os interesses do público ou do povo são muitíssimo secundários. Trabalham para a sua própria agenda ou para a agenda do pastor que os apascenta. Se a coisa correr de feição, andam caladinhos, se a coisa não correr de feição, berram.

 

Portanto, senhores que andam aí a gritar e a berrar, que nem virgens ofendidas, com o estado da nação, calem-se. Vocês não estão a refilar com o estado da nação, estão a refilar por não serem vocês ou os da vossa cor, a estar no poleiro.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



11 comentários

Imagem de perfil

De 31 da Sarrafada a 08.02.2010 às 13:31

Bravo!!! Um dia destes damos-te uma comenda "Sarrafeira" porque mereces, MESMO!
Imagem de perfil

De jonasnuts a 08.02.2010 às 14:34

E depois tratam-me por senhora comendadora? :)
Imagem de perfil

De spardal a 08.02.2010 às 13:36

Na minha opinião, este post resume no essencial tudo o que a grande maioria das pessoaas sem tachos, como eu, pensa do que se vai passando à nossa volta. Apoiado e sem reservas!
Sem imagem de perfil

De classificados a 03.12.2010 às 01:39

não me leves a mal, mas devo deduzir que se tivesses tacho já não haveria problema? :p
o problema não são os tachos alheios mas sim o facto de não haver tacho próprio?
Sem imagem de perfil

De Ricardo a 08.02.2010 às 13:37

Lindo! Que visão realista.
Imagem de perfil

De Pedro Oliveira a 08.02.2010 às 13:46

Estamos de acordo!
Imagem de perfil

De Paulo Sousa a 08.02.2010 às 14:13

Este é um post de quem está a refilar... pelo Estado da Nação, claro
Sem imagem de perfil

De Pirralha a 08.02.2010 às 14:20

Escrevi um post acerca deste mesmo assunto há muito pouco tempo. Está aqui: http://naogostodeervilhas.blogspot.com/2010/02/os-revolucionarios-do-powerpoint.html
Sem imagem de perfil

De Phil a 08.02.2010 às 14:31

Porra...finalmente alguém que partilha da minha opinião! I'm not alone!!
Imagem de perfil

De jonasnuts a 08.02.2010 às 14:33

A julgar pelos comentários anteriores, acho que somos mesmo uma maioria silenciosa. Ou nós ou os gajos que votam no Ídolos :)
Sem imagem de perfil

De António Bento a 12.02.2010 às 01:05

Eu preocupo-me com o estado da Nação, não porque seja político ou tenha poleiro, ou até alguma côr definida, mas porque estou cá dentro. Qualquer dia acabo por ter que me ir embora, mas realmente preferia que alguém organizasse esta coisa.

Comentar post






Arquivo