Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





subscrever feeds


Arquivo



Cirque du Soleil - Quidam

por jonasnuts, em 10.05.08

 

Fui ver ontem à tarde.

Recomendo vivamente, e levem a miudagem (aí a partir dos 5 anos, mais cedo que isso não faz sentido).

 

Não consigo escolher um número preferido, e houve erros em alguns deles, mas a estética, a ausência de animais e a atenção aos detalhes (em palco e fora dele) fazem deste tipo de espectáculo o circo de que eu gosto. Não há palhaços ricos e palhaços pobres, mas fartei-me de rir, não há uma banda a tocar "e viva a Espanha" mas há uma banda em palco, e música ao vivo durante todo o espectáculo, não há cãezinhos ou macaquinhos amestrados a fazer coisas idiotas. É mais à frente. O único número de que gosto no circo mais tradicional é o do trapézio, e apesar de não haver propriamente um número de trapézio clássico, há muitos números feitos nas alturas, aliás, eu diria que mais de 50% do espectáculo é feito lá em cima.

 

Tem uma história, tem drama, tem comédia, tem a participação do público, tem tudo aquilo que um circo deve ter e não tem tudo aquilo que um circo não deve ter.

 

E tem um merchandising fabuloso :)

 

Também tem uns bilhetes estupidamente caros, é um facto. Mas não é todos os dias, e um dia não são dias.

 

Imagens, vídeos, bastidores e historial podem ser vistos no site oficial do Cirque du Soleil, ou no Blog.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A realeza da Blogosfera

por jonasnuts, em 08.05.08

É tiro e queda. Quando um notável fala deste Blog, ou de mim, fico sempre surpreendida, em primeiro lugar, e depois aflita, principalmente se existe um link, como foi o caso.

 

Em conversa informal com a Laurinda Alves referi que na minha opinião o Blog  O Cachimbo de Magritte faz parte da realeza da Blogosfera. E a Laurinda escreveu isso mesmo no seu Substância da Vida. Com links. Vários.

 

Agora chega a aflição. De 2 formas. primeiro, porque pode haver quem siga aquele link, para aqui, e vem com expectativas altas, afinal de contas trata-se de uma recomendação da Laurinda (um link não é isso mesmo? uma recomendação?), e depois porque eu fiz uma afirmação em relação a um Blog onde escrevem pessoas cuja escrita admiro. E se alguma dessas pessoas segue o link e vem aqui parar? É óbvio que a primeira pergunta que fará é "mas quem é esta senhora para achar que pode debitar sobre realezas alheias?". E com toda a razão, eu, se não fosse eu, perguntar-me -ia a mesma coisa.

 

Assim, acho que é importante esclarecer o que é, para mim e na minha opinião, a realeza da Blogosfera.

 

A realeza da Blogosfera não tem a ver com antiguidade, não tem a ver com tops, nem com números de visitas. Os Blogs (e são alguns) que fazem parte da minha realeza blogosférica, são os Blogs de que gosto, que admiro, seja pela forma, pelo conteúdo, ou por ambos.

 

Fruto da minha profissão, acompanho muitos Blogs, mas não acho que isso me capacite mais do que qualquer outra pessoa para definir o que é que é realeza e o que é que não é.

 

Afinal de contas, a realeza de um Blog está na cabeça de quem o lê, é subjectiva. Não há uma realeza, há muitas realezas. Cada cabeça sua sentença.

Cada cabeça seu chapéu.

 

E chapéus há muitos, como sabemos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Semaninha caótica mas produtiva

por jonasnuts, em 08.05.08

E ainda não terminou. E a semana que vem vai ser mais do mesmo.

 

Caótica mas produtiva. Do mal o menos. Há aquelas semanas caóticas de trabalho, mas que depois, espremidinhas, não sai nada. Esta não, esta foi uma semana sumarenta. De alguns sumos ainda não posso falar, portanto fale-se dos sumos públicos.

 

Novas funcionalidades nos Blogs do SAPO. São sempre um momento de elevado stress, mas também de elevado gozo. Stress porque, por mais testes que façamos em ambiente de desenvolvimento de dev e em ambiente de staging, há algo que nunca conseguimos testar, o volume. Podemos fazer testes de carga (e fazemos), mas não há testes de carga que consigam simular a plataforma a ser usada por variadíssimas combinações de sistemas operativos, browsers, pluggins e demais minudências. Portanto, há sempre frio na barriga. E eu sou especialmente friorenta.

 

Mas dá gozo (quando corre bem, e hoje correu), ver as pessoas a usarem e a darem feedback. Ou a pedirem ajuda, porque sabem que a vão ter, quase em tempo real.

 

Já intermediámos com sucesso uma relação entre o FCK Editor (que é o que usamos) e o Safari (pedido antigo), já se podem receber as notificações de novos comentários num mail que não seja do SAPO, e, para quem comenta e não tem blog no SAPO, já há um cookie a fixar os dados, e um campo para o endereço de mail, para que possam ser notificados, caso haja uma resposta ao comentário que deixaram, e templates, mais templates (e mais novidades nessa temática, brevemente).

 

Há mais coisas, mas isto não é o Blog Oficial dos Blogs :)

 

Estamos a fechar o plano de desenvolvimento para a nova release, portanto, se tiverem sugestões, agora é que é :)

 

Para a semana há mais funcionalidades, portanto mais frio na barriga.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Iron Man

por jonasnuts, em 08.05.08
Foi só a mim que fez confusão a quantidade de Audis, sempre que foi preciso aparecer um carro?

Assim de repente, vi o R8, o Q7 e o TT.



Não vi até ao fim. Adormeci. Conto revê-lo. Sempre fui fanzoca do Robert Downey Jr.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Efemérides - Para o ano é que é

por jonasnuts, em 07.05.08
Eu tenho a mania das datas. Datas dos outros.

Este Blog fez 3 anos no dia 5, e à semelhança do que aconteceu no ano passado e há 2 anos, esqueci-me.

Se não fosse um referal de um Blog que apenas agora descobri....acho que me esquecia de todo.

Pronto, parabéns a vocês que me aturam o mau-feitio que destila por aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

O politicamente correcto

por jonasnuts, em 07.05.08
Chateia-me, e é pouco eficaz.

Mas não ser politicamente correcta, choca as pessoas.

Há pouco tempo numa reunião disseram-me, fulana de tal vai sair do projecto x e vai colaborar no projecto y.
Ao que eu respondi naturalmente, ah, mas fulana de tal é TÃO  burra.

Ficaram todos a olhar para mim com cara chocada, como se eu tivesse acabado de dizer uma barbaridade. Não é que não concordassem, concordam, acham apenas que este é o tipo de coisas que não se devem dizer.

E eu não percebo porquê. Expressei na altura a minha estupefacção pelo ar chocado, perante uma evidência clara demais.

Disseram-me, mas é boa pessoa.

Com certeza que é boa pessoa, e é uma querida, e é simpática a atenciosa e esforçada. Mas é burra. Umas características não invalidam a outra.

Não percebo esta dificuldade em chamar as coisas pelos nomes.

É burra, porra.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A receita para me levar para a cama...

por jonasnuts, em 07.05.08
... em 1972.


Via Corta-Fitas.

Éramos uns meninos, antigamente. Hoje, para os putos irem para a cama, uma animaçãozeca com uma cantiguinha não serve. Aliás, tenho a certeza que se eu mostrasse isto ao meu puto, ele olharia para mim com aquele arzinho "Duh? Mãe, por favor..."

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

É um vídeo.
Está lá praticamente tudo.



Via Zero de Conduta

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tiros ao lado (ou não)

por jonasnuts, em 06.05.08
Não acontece com frequência, eu ir à rádio. Mas ultimamente aconteceu algumas vezes, a Visita Guiada, o programa da Maria de Vasconcelos, no Rádio Clube, o programa do Pedro Rolo Duarte na Antena 1 e, ontem à tarde, ao Janela Aberta, da  Ana Sousa Dias, também no Rádio Clube.

É curioso, ver o que é fica do que eu digo. No caso da entrevista ao Pedro Rolo Duarte, depois de eu ter falado durante quase 1 hora, a frase que a maior parte das pessoas reteve (ou assinalou) foi:

"O meu próximo projecto nesta área? Não sei o que vai ser, mas vai ser muito giro".

Já ontem, quer durante a emissão quer mais tarde, a frase retida foi outra. Quando me perguntaram se havia alguma temática que gerasse mais visualizações de vídeos eu hesitei. Não porque não soubesse a resposta, mas porque às 18h30 há muitas crianças a ouvir rádio (a caminho de casa, com os pais), e eu, desde que faço viagens com o meu filho, a ouvir rádio, sou mais sensível a estes temas. Portanto, não me apeteceu falar em vídeos sexy, ou eróticos ou pornográficos. E então saiu-me.

"A categoria de vídeos que mais visualizações tem é aquela onde há senhoras menos vestidas."

Pronto. Foi o que ficou. Eu acho que disse outras coisas interessantes, mas o que ficou foi isto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Já não passo sem Blogs

por jonasnuts, em 04.05.08
A verdade é essa. Logo eu, uma resistente, uma céptica (sim, eu fui uma céptica dos Blogs, há uns anos), hoje não passo sem eles.

Eu sei que a minha profissão faz com que tenha rotinas diferentes das da maioria das pessoas, mas pensando bem, eu acompanho o dia-a-dia (mesmo o noticioso), através dos Blogs.

Não vejo notícias na televisão, à hora dos noticiários os putos estão acordados, e eu não quero que eles vejam noticiários. Não já.

Rádio, de manhã a caminho da escola do puto e a caminho do trabalho. Again, o puto está comigo, e depois disso, se me ponho a ouvir noticiários, fico mal disposta.

Chego ao trabalho, leio o mail, respondo ao que tem de ser respondido de imediato e abro o leitor de feeds. E é através dos Blogs cujo feed subscrevo (não são assim tantos, 200, mais coisa menos coisa) que me coloco em contacto com o mundo. Seja política, mundano, técnico, seja apenas para saber dos amigos, é nos Blogs.

Não me sinto desfasada. Pelo contrário. Os Blogs, se for caso disso, encaminham-me para algumas notícias através dos links. Portanto, através dos Blogs que acompanho (e que foram escolhidos com alguma parcimónia, é um facto), tenho notícias, opinião (umas vezes concordo umas vezes discordo), actualidade, entretenimento, humor, está lá tudo o que me interessa.

Não é de um dia para o outro que acontece esta transferência, é preciso construir uma lista de feeds de jeito, para depois constatar que ando a aceder a conteúdos duplicados. Quando foi preciso escolher entre os média tradicionais e os Blogs, naturalmente escolhi os Blogs. Nem sequer foi pensado. De repente, dei por mim a prescindir do resto. Não me faz falta.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Pág. 3/3





subscrever feeds


Arquivo