Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]





subscrever feeds


Arquivo



Rapidinha

por jonasnuts, em 18.12.07
Londres estava solarenga e muito, muito fria.

Os ingleses estão na mesma, e a British Airways é uma bosta. Heathrow é uma cagada, e não têm livro de reclamações (post sobre isso amanhã).

Os ingleses não usam piaçaba.

É tudo muito caro.

Amanhã é dia de trabalho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Vou ali e já volto

por jonasnuts, em 14.12.07
Quer dizer, levo computador, telemóvel e afins, e sim, vou ver mail, e vou trabalhar. Mas vou ali a Londres e já volto (aceitam-se encomendas).

3 dias de "descanso", longe do caos, nessa cidade calma que é Londres.

Londres tem 2 inconvenientes, para mim.

Está cheia de ingleses. É como Paris, está cheia de franceses.
Não tenho nada contra os Ingleses, pelo contrário, aprecio (algum) humor, e respeito aquela fleuma (desde que seja entre eles), e pronto, há sempre a música, já a comida...... Não gosto da arrogância e claro, as generalizações são perigosas.

O 2º inconveniente é que eu, por causa dos putos cá de casa, praguejo imenso em inglês. Fuck, asshole, cuntface, são coisas que me saem pela boca fora quando os miúdos estão presentes, e por força do hábito, saem-me também quando estão ausentes. Ora, em Portugal isso não terá assim muita importância, mas em Londres são capazes de me perceber, não sei.

Vou ter de fazer como numa das últimas vezes que lá tive, com um enorme grupo de amigos.

Íamos no metro. Eu tinha (tenho?) a mania de organizar coisas, e "levei" uma série de colegas (que são as putas, mas neste caso não eram) a Londres. Aliás, levei não. Quem levou o grupo foi a Chichonas, essa prestigiada agência de viagens.

Anyway. Todos no metro, uns 10. Distribuídos pela carruagem, uns numas portas outros noutras. E eu com medo que alguém se perdesse. SAÍMOS NA PRÓXIMA, grito para um lado, e repito, de forma igualmente estridente, para o outro lado.

Reparei que as únicas pessoas que não olhavam para mim eram precisamente os meus companheiros de grupo. Claro está que fingiam não me conhecer, como se aquilo não tivesse sido com eles. De resto, todos os ingleses tinham colado os olhos em mim, e tinham aquele ar meio enojado meio enjoado, de superioridade insular (insular inglesa, que os Açoreanos são insulares e são 5 estrelas).

Portanto, vejo-me de repente a braços com um dilema que pode prejudicar a imagem de Portugal. E eu não queria provocar um incidente internacional. Mais para mais com os ingleses, que são os nossos mais antigos aliados (é sempre isto que se diz quando se fala dos ingleses, não é?).

Na altura, a única coisa que me ocorreu foi pedir desculpas. E foi o que fiz:

I'm sorry. We are spanish. We talk very loud.

E saímos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Moda Outono Inverno

por jonasnuts, em 13.12.07



Já disse aqui noutro dia que tenho memória de elefante.

Dá imenso jeito, às vezes, mas também tem um lado mais negativo. Lembro-me muito de quem me faz falta. E não me esqueço das efemérides que se referem a quem me faz falta.

O Natal é uma espécie de montanha russa de emoções, por um lado a alegria e o prazer de dar, de ver os olhos a brilhar, de descobrir que acertei na prenda. Por outro lado é uma gigantesca efeméride grupal, para todos aqueles de que sinto a falta, e são cada vez mais.

Já passei alguns Natais entre a alegria dos presentes e da família, e a casa-de-banho, para limpar as lágrimas que teimam em fugir ao controlo apertado que tento manter.

Não pensem que melhora com o tempo. Lembro-me de todos como se fosse ontem, como se fosse hoje.

Este ano, as circunstâncias não ajudam.

Logo tinha de escolher a porra do roxo, como cor da moda nesta estação.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Divas

por jonasnuts, em 12.12.07
É impressão minha ou a palavra Diva baixou ultimamente os standards do seu significado?

Diva é aquela mulher que, fruto do seu trabalho, ou do seu je ne sais quoi, ou do seu estilo, se destaca de todas as outras. Destaca-se para cima. Muito para cima.

Conheço várias divas, a maior parte estão mortas, e as que não morreram ainda, não deve faltar muito.

Mas ultimamente tenho visto a palavra Diva aplicada a uma quantidade de gente que nem mesmo que morresse já amanhã estaria perto da minha definição de diva.

Então, e para os mais distraídos, eu passo a explicar que a Billie Holyday é uma diva, a Ava Gardner é uma diva, a Marlyn Monroe é um diva, a Audrey Hepburn é uma diva.

Informo ainda que a Mariah Carrey não é uma diva, a Celine Dion não é uma diva, a Paris Hilton não é uma diva e a Rihanna não é uma diva.
Mais, vou ainda um pouco mais além. Estas senhoras que são apenas diva wannabes não só não são divas, como nunca virão a ser.

Portanto, vamos lá recuperar o estatuto elitista da palavra diva, e não a vamos desperdiçar com mulheres de trazer por casa (literalmente).

Autoria e outros dados (tags, etc)

Concurso do Melhor Blog Português

por jonasnuts, em 12.12.07
É uma iniciativa da comunidade, este concurso. O SAPO apoiou com divulgação, e a organização convidou-me para integrar o Júri. Aceitei, com muito gosto.
Assim, na sequência de tudo isto, recebi na semana passada a short list que saiu da fase de nomeação. Lembro-me de ter pensado "porra, são mais que as mães".

Defini uma metodologia. Voto categoria a categoria. Pego nos urls e abro-os todos, por ordem alfabética nas tabs do Firefox. E depois transporto as tabs mais para a frente ou mais para trás, consoante a pontuação é maior ou menor.

Ser um Blog alojado no SAPO não dá direito a valorização, sempre defendi (e defendo) que não é a plataforma que faz o Blog.

Ontem à noite terminei a categoria Desporto. Isto não pode ser tudo feito ao mesmo tempo, porque o pensamento inicial de "porra, são mais que as mães", agudizou-se à medida que fui começando a trabalhar.

Hoje, na minha tarefa matinal de consulta ao leitor de feeds dou com um post sobre OpenID no Zone 41, e fui ler (eu passo os olhos pelo post no leitor de feeds, e se me interessar leio-o no Blog). Li o post, e no fim vejo o meu nome.  Que raio está a fazer o meu nome num post sobre OpenID? E depois ele dizia que tinha sido nomeado para a categora de melhor Blog Geek juntamente com outros, e referia o meu.

Acreditem ou não...... e uma vez que ainda não tinha chegado à categoria Geek, não fazia ideia de que estava nomeada.

Como não sou juíza em causa própria, vou dar 0 pontos ao meu Blog. À semelhança do que já fiz com o Blog Oficial dos Blogs do SAPO, que está nomeado na categoria Melhor Blog empresarial/corporativo. É um Blog onde participo, levou 0 pontos. Apesar de eu achar que o Blog dos Blogs até tem potencial para ganhar, prefiro que não ganhe. Só para não se levantarem logo as vozes do costume, a dizer que há marosca e coisa e tal.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Amazon

por jonasnuts, em 12.12.07
Às vezes perguntam-me onde é que eu gostaria de trabalhar, se não trabalhasse no SAPO.

Tenho sempre grandes dificuldades em identificar empresas nacionais que actuem nesta área, onde as minhas competências fizessem sentido, e onde eu gostasse de trabalhar.

Mesmo internacionalmente (provavelmente por desconhecimento) não são muitas as candidatas.

Mas há uma empresa onde eu sei que gostava de trabalhar. A Amazon.

Porque são bons no que fazem, porque apesar de terem crescido muito continuam a prestar um belíssimo serviço e porque mantiveram o foco no sítio certo, isto é, no Cliente. Sou uma cliente muitíssimo satisfeita da Amazon (e já tive problemas) e esta capacidade de serem uma empresa muito grande (ou pelo menos que lida com milhões de clientes) mas não terem perdido o espírito start up é fenomenal.

Por muitas razões, mas também por causa disto.
Uma resposta a um cliente que eu gostava de ter escrito.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Serviço público

por jonasnuts, em 11.12.07
Para quem não conhece Top Gear aqui ficam dois vídeos que descobri rapidamente, um nos Vídeos do SAPO outro no Youtube





Não são necessariamente os melhores, são apenas os que descobri mais rapidamente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A cena do Piripaico

por jonasnuts, em 10.12.07
Piripaico é uma palavra que não existe.

Eu gosto de inventar palavras (embora esta não tenha sido inventada por mim, vou desde já avisando).

Digo que uma pessoa está nheca quando parece não estar bem disposta.
Digo que uma música é mais (aqui mete-se um sim não reproduzível e um gesto com duas mãos uma mais à frente que a outra junto à cabeça).

Na pressão de inventar uma mensagem de indisponibilidade temporária para apresentar durante a intervenção de manutenção a que recentemente submetemos os Blogs do SAPO, saiu-me o Piripaico.

A mensagem que tínhamos anteriormente ainda era a que vinha de origem do LiveJournal, que para além de ser em inglês, era monótona e cinzentona.

Nunca pensei que uma mensagem de erro apresentada entre a 1h00 e as 3h00 da manhã (mais precisamente entre a 1h00 e as 2h45) tivesse, em primeiro lugar, tanta visibilidade, e depois, que provocasse um impacto tão positivo :)

Não quero mais Piripaicos para além dos estritamente imprescindíveis, mas assim, até dá gosto ter piripaicos. :)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Post recorrente ou dúvida persistente

por jonasnuts, em 10.12.07
Não é a primeira vez que faço um post sobre este tema. E continuo pouco esclarecida.

Alguém me explica porque é que importamos tanto lixo televisivo de tanto lado, e não importamos um dos melhores (na minha opinião o melhor) programas de televisão do mundo?

Refiro-me obviamente ao Top Gear.

É que não percebo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Keywords

por jonasnuts, em 10.12.07
Acabei de dar com isto no Google Analytics.

Desde que comecei este Blog nunca liguei muito aos números, nem às palavras pesquisadas que trazem as pessoas a este Blog. Volta não volta dou uma olhada, para ver quem é que vai à frente, se as Crocs, se a Ana Malhoa (são as Crocs, já agora).

Já não olhava para isto há imenso tempo, e há bocado passei por lá.
E as coisas mudaram.

À frente das Crocs, apareço eu. Jonasnuts. Por mais de 100 visitantes.
As crocs, burros, fair play, interlog, nespresso, cemelhas, fairplay e só depois a Ana Malhoa.

Mas o conjunto de keywords mais fantástico aparece a meio da tabela.
E nunca o tinha visto.

"Senhora dos Blogs do SAPO". Nos últimos 3 meses, houve 61 alminhas que aqui chegaram por fazer essa pesquisa.

Blogs do SAPO ainda é como o outro, mas senhora? É esquisito. Senhora é a minha mãe. Ainda não me habituei a ser senhora.

E já agora, o que raio são cemelhas, e se eu não sei o que são, porque é que as pessoas cá vêm parar quando procuram por essa palavra?

Autoria e outros dados (tags, etc)






subscrever feeds


Arquivo