Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Jonasnuts

Nova categoria temática - Os anúncios idiotas

E nesta categoria considerar-se-ão todo o tipo de anúncios, imprensa, online, spots de televisão, rádio, online e etc.

O que me leva a falar do spot de televisão que suscitou a criação desta nova categoria.

Bom, talvez seja bom neste primeiro post sobre o tema dizer que trabalhei uns anos valentes em publicidade (numa agência - responsável pela área de produção - audiovisual e gráfica), portanto, se calhar tenho uma visão um bocadinho deformada (profissionalmente falando).

Chamo a vossa atenção para o spot de televisão do medicamento Cêgripe. Neste spot, há um rapaz a quem atribuo a idade de 19/20 anos que, em plena aflição congestionada, as duas primeiras coisas de que se lembra são:
1 - Entrar numa cabine telefónica para,
2 - Telefonar à mãe.

Então vejamos, um rapaz de 19 anos, apanha uma constipação porque saiu de casa pouco agasalhado, começa a espirrar, entra na cabine telefónica e liga para a "mamã" (sic). Logo a seguir, a mamã manda o "menino" ver na bolsa da sua mochila, porque lá colocou o tal do Cêgripe. O "menino" toma de imediato o Cêgripe, podendo assim juntar-se à namorada que o aguarda do lado de fora da cabine, no final diz - "Obrigado mamã".

Em que país é que os gajos de 20 anos têm mamãs?
Em que país é que os gajos de 20 anos tratam publicamente as suas mães por mamã?
Em que país é que os gajos de 20 anos não têm um telemóvel?
Em que país é que os gajos de 20 anos deixam as mães mexer nas suas mochilas?
Em que país é que os gajos de 20 anos a quem acontecem todas as questões anteriores, têm namorada?

Senhores da Janssen-Cilag, pode ser que nos vossos países, todos os gajos de 20 anos sejam completamente totós, mas em Portugal, segundo creio, já não há indivíduos desta espécie, e se existirem, vocês não querem que eles sejam vossos clientes.

Podem parar de gastar dinheiro com a campanha IDIOTA e insultuosa que têm no ar. Para contratação dos meus serviços técnicos de consultora para esta área, é favor usarem os comentários deste blog.

RSS

Há muita gente à procura, mas é só para alguns. Os actuais blogs do SAPO não têm RSS, mas eu tenho RSS no meu blog do SAPO :)

Toca a subscrever e colocar o endereço no vosso leitor de feeds. Quando este Blog migrar, eu aviso, para alterarem o feed. (Lá estou eu a falar como se isto fosse lido por multidões)

Pág. 2/2

Pesquisar

No twitter


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D